Ducati nacionaliza produção dos modelos Hypermotard e Hyperstrada

A Ducati anunciou nesta semana que os modelos Hypermotard e Hyperstrada, que chegam em janeiro às principais concessionárias da marca no Brasil, terão a produção nacionalizada. Com esta ação, a fabricante de motocicletas italiana conclui plano de expansão da sua linha de produção e contabiliza seis modelos montados no Brasil. A partir de agora, Hypermotard e Hyperstrada se unem a Monster 796, Diavel, Multistrada 1200 e 1199 Panigale, e também passam a ser montadas na fábrica de Manaus (AM). “O processo de nacionalização da Hypermotard completa um ciclo importante da nossa estratégia, que é disponibilizar os melhores produtos com um bom custo-benefício. Contamos com os seis principais modelos sendo montados na fábrica de Manaus. Isso mostra a importância do Brasil para a marca e reitera nosso compromisso com o mercado nacional”, explicou Ricardo Susini, Diretor-Geral da Ducati no Brasil.
Ducati nacionaliza produção dos modelos Hypermotard e Hyperstrada
Com nacionalização os modelos Hypermotard e Hyperstrada, são oferecidos por R$ 44.900 e R$ 49.900, respectivamente, e contam ainda com a taxa zero para compras com entrada de 50% e parcelamento em 24 vezes sem juros. Vale lembrar que os modelos contam com o motor Testastretta 11° (821 cc e 110 cavalos de potência), quadro Trellis, Ducati Safety Pack, que inclui o ABS de última geração com 2 níveis, Controle de Tração Ducati de 8 níveis e modos de pilotagem integrados.

Seja parte de algo grande