Ford é processada nos EUA por violação de patentes de tecnologia híbrida

A Ford está sendo acusada nos Estados Unidos de violar e posteriormente se apoderar de patentes de tecnologia híbrida. Fabricante dos dispositivos, a empresa Paice afirma que a gigante norte-americana desrespeitou os direitos de produção e tomou para si os conhecimentos da tecnologia alternativa de propulsão, aplicando-a em modelos como Fusion Hybrid e C-Max Energi. Detalhes sobre a confusão ainda são pouco conhecidos, mas sabe-se que a questão envolve uma acirrada disputa nos tribunais.
Ford é processada nos EUA por violação de patentes de tecnologia híbrida
A Paice diz que mantém relações estreitas com a Ford no ramo de tecnologia híbrida desde 1999. Até 2004, explica a empresa, houve diversas trocas de informações e fornecimento de componentes de modelagem. Após anos de experiência, no entanto, a Ford teria se apoderado das tecnologias da Paice, usado-as em diversos modelos e desrespeitado os direitos de registro. Um acordo entre ambas teria sido firmado nesse meio tempo, mas a licença expirou em 2010 e a Ford continuou a usar os dispositivos. A Paice, então, acionou a justiça para resolver a questão. Ex-parceira da empresa, a Toyota também passou por situação semelhante à da Ford e foi derrotada nos tribunais.

Seja parte de algo grande