Salão de Detroit: mais urbano e refinado, Fiat 500X seria boa pedida para o Brasil

Exposto ao lado do irmão Jeep Renegade, que será lançado no Brasil em março, o Fiat 500X mostra que cairia como uma luva no mercado brasileiro. Apesar de compartilhar plataforma e mecânica com o Renegade, o crossover da Fiat tem estilo mais urbano e refinado. Então por que não vem? A Fiat brasileira acredita não haver espaço para os dois e vai apostar tudo no carro da Jeep - afinal, ser de uma marca premium ajuda na imagem e pode até ser motivo para uma margem de lucro um pouco maior. Apesar de entendermos esta posição, fica difícil não acreditar no sucesso do 500X no Brasil. Ele é bastante atraente (mais ao vivo do que nas fotos), é encorpado sem ser grande e tem acabamento refinado - o Jeep tem orientação mais off-road, despojada. O 500X tem excelente posição de dirigir, elevada sem ser muito alta, e um belo painel de instrumentos. Os comandos são muito parecidos com os do Renegade, mas, comparando, o Fiat parece um pouco mais luxuoso com a faixa interna na cor da carroceria - como no 500 hatch. O espaço é bom para quatro adultos e o porta-malas tem razoáveis 350 litros.
Salão de Detroit: mais urbano e refinado, Fiat 500X seria boa pedida para o Brasil
Nos EUA o 500X será vendido unicamente com motor 2.4 de 180 cv e câmbio automático de nove marchas, tendo opção de tração dianteira ou integral. Entre os equipamentos estão sete airbags, sistema de alerta de abandono de faixa e piloto automático adaptativo, capaz de acionar os freios sozinho. A garantia será de quatro anos. Texto e fotos: Daniel Messeder, de Detroit (EUA) Viagem a convite da Honda Veja as fotos, direto de Detroit:

Seja parte de algo grande

Salão de Detroit: mais urbano e refinado, Fiat 500X seria boa pedida para o Brasil

Foto de: Daniel Messeder