Salão de Genebra: McLaren 650S Spider - versão conversível marca presença

Depois mostrar as fotos do novo 650S, a McLaren levou para o Salão de Genebra nesta terça-feira (04), as versões Spider e cupê. A marca britânica ainda revelou todos os detalhes técnicos do supercarro, sua principal atração no evento.
Salão de Genebra: McLaren 650S Spider - versão conversível marca presença
A McLaren 650S Spider se gaba de oferecer praticamente o mesmo desempenho e dirigibilidade da versão com teto. Dotado de uma capota rígida que se abre em 17 segundos (o carro tem que estar no máximo a 30 km/h), o conversível ganhou apenas 40 kg (1.370 kg de peso total) que não comprometeram o desempenho.
Salão de Genebra: McLaren 650S Spider - versão conversível marca presença
Mecanicamente idêntico ao cupê, o Spider está equipado com o motor V8 twin-turbo de 650 cv e 69,2 kgfm de torque. Na prática, isso se reflete em aceleração de 0 a 100 km/h em 3 segundos e de 0 a 200 km/h em 8,6 segundos. A velocidade máxima é de 329 km/h e o consumo médio é de 8,5 km/l pelos padrões britânicos.

Seja parte de algo grande

Salão de Genebra: McLaren 650S Spider - versão conversível marca presença

Foto de: Julio Cesar