GM vai substituir Coreia pela Índia como plataforma de exportação global

País de economia emergente tal qual o Brasil, a Índia passa por um momento de considerável crescimento no setor automotivo e ganha cada vez mais importância no cenário global. De olho no potencial do mercado local, que deve emplacar cerca de 8 milhões de unidades em 2025, a General Motors prepara uma ofensiva para transformar a região em plataforma de exportação. Atualmente a Coreia do Sul responde por grande parte da produção do grupo na Ásia, mas o aumento dos custos trabalhistas vem minando a competitividade do país.
GM vai substituir Coreia pela Índia como plataforma de exportação global
Conforme explica a agência de notícias Reuters, a GM deve anunciar ainda neste ano um plano estratégico de expansão para o país que deve incluir, especialmente, uma nova família de modelos compactos. As vendas anuais giram atualmente com torno de 3 milhões de exemplares, mas a gigante norte-americana se mostra otimista. "A Índia está ganhando confiança. O potencial de crescimento é claro e há grandes chances de nossa marca Chevrolet aproveitar essa expansão", disse o porta-voz Stefan Jacoby.
GM vai substituir Coreia pela Índia como plataforma de exportação global
Pesam a favor do país os custos trabalhistas baratos e o potencial de crescimento franco, características que o colocam à frente de Austrália, Indonésia, Tailândia e da própria Coreia do Sul no quesito competitividade.

Seja parte de algo grande