Confirmado: Audi A3 nacional ganha 1.4 TSFI Flex, mas perde S-Tronic e multilink

Agora é pra valer: confirmando rumores de que as gamas nacionais de VW Golf e Audi A3 seriam simplificadas, o A3 está sendo apresentado à mídia impressa com câmbio automático de seis marchas (no lugar do S-tronic de sete velocidades) e suspensão traseira por eixo de torção (no lugar da multilink). Como novidade positiva está o fato de o motor 1.4 TSFI agora ser flex, passando a 150 cv (10 cv a mais) e mantendo o torque de 25,5 kgfm a partir de 1.500 rpm - isso em relação ao motor do Golf importado. No caso do A3 há ganhos expressivos, já que o alemão vinha para cá na versão de 122 cv e 20,4 kgfm.
Confirmado: Audi A3 nacional ganha 1.4 TSFI Flex, mas perde S-Tronic e multilink
Entre os equipamentos, o A3 nacional manteve os sete airbags (sendo um para os joelhos do motorista), freio de estacionamento elétrico, sistema start-stop e faróis de xenônio - sendo alguns itens opcionais. Os preços ficarão abaixo de R$ 100 mil para a versão Attraction de entrada, variando de R$ 110 mil a R$ 140 mil no modelo Ambiente. Para segurar o preço, o Attraction deixa de fora o volante com borboletas, o banco de couro, o GPS e a automação de faróis e limpadores. Nas versões topo de linha, o A3 vai receber o motor 2.0 TSFI de 220 cv no lugar do 1.8 TFSI de 180 cv do carro importado, mas, nesse caso, deve ser mantido o câmbio DSG de seis marchas - caixa banhada em óleo.
Confirmado: Audi A3 nacional ganha 1.4 TSFI Flex, mas perde S-Tronic e multilink
Espere, portanto, que o Golf TSI siga as mesmas mudanças (conforme antecipamos neste flagra), trazendo suspensão por eixo de torção, câmbio Titronic de seis marchas (mesmo usado no Jetta 2.0 Flex) e motor 1.4 turbo flex de 150 cv. Além disso, o hatch terá uma versão de entrada com motor 1.6 16V de 120 cv emprestado do Fox.

Seja parte de algo grande