Buenos Aires: Sandero RS chega em setembro - veja detalhes técnicos

Questionado se seria mesmo um esportivo de verdade, o Renault Sandero RS foi finalmente revelado nesta quinta-feira (18) no Salão de Buenos Aires, na Argentina. Conforme pudemos conferir ao vivo no salão, o RS não decepciona no visual e nem nas especificações técnicas: com modificações importantes sobre as versões "normais", deve agradar os entusiastas. Desenvolvido em parceria entre a experiente divisão esportiva Renault Sport e engenharia e design da América Latina, a versão mais quente do Sandero ganhou visual invocado e novo motor, além de uma série de ajustes estruturais e de segurança. Tudo para aprimorar a dinâmica e lidar melhor com a potência extra.
Buenos Aires: Sandero RS chega em setembro - veja detalhes técnicos
Visual Sem mudanças radicais, os destaques ficam por conta da nova dianteira que possui grade com emblema RS e para-choque com LEDs diurnos e aplique cinza na parte inferior. Rodas de liga leve pretas exclusivas e traseira com dupla saída de escape e aerofólio são as principais novidades no visual. O interior conta com novos revestimentos, volante esportivo, bancos dianteiros com maior apoio lateral e painel de instrumentos com grafia exclusiva.
Buenos Aires: Sandero RS chega em setembro - veja detalhes técnicos
Motor/Câmbio/Direção Mecanicamente, o esportivo recebe o motor 2.0 16V de 150 cv (o mesmo utilizado no Duster, porém com nova calibração e mais potência). A aceleração de 0 a 100 km/h acontece em 8,5 segundos e a velocidade máxima é de 202 km/h. O câmbio manual de seis marchas é o mesmo do Duster 2.0: tem engates curtos e precisos e não lembra em nada a caixa de cinco marchas e engates longos e secos das demais versões do hatch. Isso sem considerar o novo acerto feito pela RenaulSport. Inédita no Sandero, a direção com assistência eletro-hidráulica progressiva é outro equipamento bem vindo nesta versão, que também recebe uma calibração exclusiva e relação mais direta.
Buenos Aires: Sandero RS chega em setembro - veja detalhes técnicos
Chassis/Suspensão/Freios A versão esportiva promete melhor dinâmica com altura reduzida em 2,5 cm, além de barra estabilizadora e eixo traseiro mais rígidos. Na suspensão há molas mais rígidas combinadas com absorvedores de choque em poliuretano. O sistema com freio a disco nas quatro rodas foi calibrado para uso intensivo com melhor distribuição da frenagem, durabilidade e resistência ao calor. Todo o sistema foi preparado pela Renault Sport, com discos de freios maiores na dianteira e inéditos discos de freios na traseiros. Outra novidade é o RS Drive, o sistema de controle de estabilidade (ESP) que permite selecionar entre 3 modos de direção: Normal, Sport e Race, para situações diferentes de condução.
Buenos Aires: Sandero RS chega em setembro - veja detalhes técnicos
Com produção confirmada na fábrica da Renault em São José dos Pinhais (PR), o Sandero RS chega ao mercado em setembro. Segundo apuramos, o preço do esportivo deve ficar abaixo do rival Punto T-JET, o que nos dá uma base na casa dos R$ 62 mil. Reportagem e Fotos: Daniel Messeder, de Buenos Aires (Argentina) Viagem a convite da Anfavea Fotos: Renault Sandero RS 

Seja parte de algo grande