Fiat desmente fim de linha para Linea, Bravo e Idea em Betim (MG)

Fiat desmente fim de linha para Linea, Bravo e Idea em Betim (MG)
Após alguns concessionários afirmarem que estes modelos não estavam mais sendo faturados, a Fiat esclareceu que a produção de Linea, Bravo e Idea segue normalmente na fábrica de Betim (MG). Segundo apuramos com fontes ligadas à marca, acontece que, com a crise e a baixa demanda, alguns modelos podem ficar até um mês fora da linha de produção, pois já há bastante deles em estoque, em trânsito ou na própria rede. Ou seja, a Fiat está ajustando a produção à atual demanda, que realmente tem sido bastante pequena nestes carros. "Mas não tem nada de fim de produção", esclarece um informante.
Fiat desmente fim de linha para Linea, Bravo e Idea em Betim (MG)
O Idea chegou a ter relativo sucesso no fim dos anos 2010, com seu espaço interno amplo e carroceria compacta, se dando bem na briga com a Chevrolet Meriva. Mas depois o mercado das minivans desabou, restante hoje apenas a Chevrolet Spin - modelo que a GM desenvolveu para ocupar o lugar da Meriva e também da Zafira numa tacada só. Lá fora a Fiat trocou o Idea pelo 500L, mas nunca houve planos de trazê-lo para cá. Já o Linea e o Bravo, que nunca conseguiram se firmar nas vendas, tendem a emplacar cada vez menos. Além de serem substituídos pelos novos Tipo Sedan e hatch na Europa, aqui eles terão de enfrentar o fogo amigo da Fiat Toro, que embora seja de uma categoria completamente diferente tem preços inciais semelhantes.
Fiat desmente fim de linha para Linea, Bravo e Idea em Betim (MG)
Único modelo previsto para ter sua produção encerrada em Betim é o Uno Vivace, versão pré-reestilização mantida como modelo de entrada da linha Uno. Com a chegada do Mobi, em abril, restará apenas o Palio Fire abaixo da novidade.

Seja parte de algo grande