Phaeton: encerrada produção do sedã mais luxuoso já feito pela VW

A Volkswagen reuniu a imprensa da Europa para anunciar, neste último fim de semana, o encerramento da produção do sedã de luxo Phaeton. Maior e mais requintado três volumes já lançado pela marca, o modelo deixa de ser produzido após passar quase 14 anos sendo montado na fábrica de Dresden, na Alemanha. De lá era enviado para toda a Europa e, nos últimos anos, ganhou participação notória também na China. Sem atividades nas linhas de montagem, a planta passará por adaptações para produzir carros elétricos no futuro.
Phaeton: encerrada produção do sedã mais luxuoso já feito pela VW
Agora descontinuado, o Phaeton ficará pelo menos quatro anos ausente do mercado. Isso porque a segunda geração, antes programada para 2016, teve lançamento adiado e agora estreará apenas em 2020. Pelo que se sabe até agora, este novo modelo terá propulsão elétrica e recursos tecnológicos ainda inéditos na VW. Um deles será o sistema de suspensão a ar monitorado por câmeras que se adaptará instantaneamente às condições de rodagem, passando a sensação de que o carro está “flutuando”.

Seja parte de algo grande