Vídeo: distrações de jovens ao volante são responsáveis ​​por 6 em cada 10 acidentes

Sabe quais são as duas principais distrações de um jovem ao volante? O celular e amigos. Segundo a AAA Foundation Traffic Safety (Fundação para a Segurança no Trânsito), estes dois fatores representam quase 60% dos acidentes envolvendo motoristas jovens. Recentemente os pesquisadores da fundação analisaram ​​cerca de 1.700 vídeos de câmeras instaladas em carros conduzidos por motoristas jovens que se envolveram em algum tipo de acidente. A cada 100 acidentes, 58 foram provocados por pura distração, sendo grande parte delas por olhar o celular enquanto dirige. Uma compilação dos momentos em que os acidentes ocorrem mostram como um ou dois segundos de distração podem resultar em acidente. Estimativas anteriores apontavam que a distração era a causa para apenas 14% dos acidentes de motoristas jovens. "O acesso aos vídeos dos acidentes nos permitiu compreender melhor os momentos que antecederam o impacto do veículo de uma forma que antes era impossível", disse Peter Kissinger, presidente e CEO da Fundação. O estudo "oferece provas irrefutáveis ​​de que os motoristas adolescentes estão distraídos em uma porcentagem muito maior de acidentes do que anteriormente realizados." Nos Estados Unidos, os adolescentes têm a maior taxa de acidente entre todas as faixas etárias, e por isso, os especialistas em segurança têm buscado formas de melhor proteger e educar os jovens condutores. Ter acesso ao vídeo, áudio e dados do acelerômetro dos seis segundos precedentes um acidente e os quatro segundos depois deu os pesquisadores da AAA uma visão sem precedentes sobre acidentes com os recém-habilitados. O relatório aponta ainda que a distração foi fator determinante em 89% dos acidentes na estrada, sendo 76% de colisão traseira. Segundo o estudo, o uso do celular ao volante fez com que os motoristas tirassem os olhos da estrada em uma média de 4,1 segundos antes dos acidentes. Nenhum acidente fatal foi incluído na análise, nem acidentes em que os motoristas foram atingidos por trás. Além do celular, o estudo também aponta a distração dos motoristas enquanto estavam interagindo com um ou mais passageiros. Esta situação respondeu por 15% dos acidentes entre os motoristas jovens. A fundação descobriu que, quando dois ou mais passageiros estavam presentes, eles foram significativamente mais propensos a fazer ruídos altos, mudando de lugar dentro do veículo e enviar mensagens de texto/usando telefone celular do que quando apenas um único passageiro estava presente. Confira o vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=SDWmwxQ_NnY

Seja parte de algo grande