Amarok deve ganhar motorzão V6 3.0 TDI de 270 cv para superar rivais

A corrida pelo título de picape mais potente do segmento deve levar a Volkswagen a adotar uma nova opção de motor para a Amarok. Atualmente equipada com o conhecido bloco 2.0 TDI com potências de 140 ou 180 cavalos, a camionete está sendo preparada para receber um propulsor 3.0 V6 também da família TDI com algo em torno de 270 cv e 59,1 kgfm de torque máximo. O desenvolvimento do projeto acontece na fábrica de Pacheco, conforme antecipa o site Argentina Autoblog.
Amarok deve ganhar motorzão V6 3.0 TDI de 270 cv para superar rivais
Ainda segundo a publicação, a oferta da nova motorização será concentrada nas versões de topo, vindo sempre acompanhada de tração integral e do câmbio automático de oito marchas. Caso os planos se confirmem, a Amarok terá condições de superar com folga a concorrência da Ford Ranger e da Chevrolet S10, ambas com 200 cv nas versões diesel. Os preços também devem subir, fazendo do modelo não apenas o mais potente da categoria, mas também o mais caro.

Seja parte de algo grande

Amarok deve ganhar motorzão V6 3.0 TDI de 270 cv para superar rivais

Foto de: Dyogo Fagundes