MOTO GP: veja a "lambança" que tirou a Ducati do pódio na Argentina - vídeo

A Ducati não está para brincadeira na temporada 2016 da Moto GP. Logo na primeira etapa do mundial, realizada em Doha, no Qatar, o piloto Andrea Dovizioso chegou numa honrosa segunda posição. E tudo caminhava para um novo pódio da marca italiana na prova de Termas de Rio Hondo, realizada na Argentina neste domingo (3), quando Andrea Ianonne fez uma verdadeira "cagada" e acabou não só com sua prova como também com a corrida de seu companheiro de equipe, justamente Dovizioso. Ambos vinham em ritmo forte, principalmente nas retas, e iriam completar a prova argentina em segundo (Dovizioso) e terceiro (Iannone), superando inclusive o multicampeão Valentino Rossi (Yamaha). Isso até que Ianonne pensou "eu passo ele e me consagro" na última curva. O italiano da Ducati 29 então atrasou a freada, inclinou e... foi pro chão levando Dovizioso a tiracolo! Com o vexame, a Ducati perdeu a dobradinha no pódio e deixou a segunda colocação de bandeja para Rossi, que comemorou bastante a conquista - que o deixou em segundo no campeonato. Em terceiro, também favorecido pela batida das Ducati, veio Dani Pedrosa (Honda). Seu companheiro de equipe, Marc Marquez, fez uma prova quase perfeita e cruzou em primeiro com uma confortável vantagem. Ele lidera o mundial 2016 com oito pontos à frente de Rossi. Assista o vídeo abaixo e comente: o que você faria se fosse o chefe de equipe da Ducati? https://www.youtube.com/watch?v=1b6J24VFXXY Fotos e vídeo: Divulgação MOTO GP

Seja parte de algo grande