Mercado: Toyota, Nissan e Honda crescem; PSA, Fiat e VW recuam - veja lista

A divulgação dos dados de mercado automotivo referentes ao primeiro trimestre de 2015, pela Anfavea, revelou que as vendas recuaram 17% em relação ao mesmo período do ano passado. O mau momento, porém, conflita com alguns crescimentos até expressivos de marcas como Toyota, Nissan e Honda, além das recém- afiliadas Chrysler (via FCA) e Audi (que em breve passa a produzir o A3 Sedan no Brasil). Já pelo lado de quem perdeu mais, chama a atenção o mau desempenho da PSA (Peugeot-Citroën) e as quedas de Fiat, VW e Chevrolet - não por acaso, as três mais vendidas do país.
Mercado: Toyota, Nissan e Honda crescem; PSA, Fiat e VW recuam - veja lista
Colhendo os bons resultados do novo Corolla, líder disparado de emplacamentos entre os sedãs médios, a Toyota abre o primeiro trimestre do ano com 17% de incremento nas vendas, com 32.277 unidades. Também a Nissan tem motivos para celebrar, ao atingir 16,2% de aumento nas vendas neste período em relação à 2014, registrando 13.768 emplacamentos. Prestes a comemorar um ano de sua fábrica em Resende (RJ), a empresa pode creditar o bom momento ao March nacional e ao sucesso do Sentra (que figura no pódio dos sedãs médios), agora apostando ainda no recém-nacionalizado Versa.
Mercado: Toyota, Nissan e Honda crescem; PSA, Fiat e VW recuam - veja lista
Para completar os destaques positivos, mais uma marca japonesa: com 32.856 unidades emplacadas, a Honda teve crescimento de 12,5% nas vendas se comparado ao primeiro trimestre de 2014. É um resultado que a deixa um tiquinho à frente da arquirrival Toyota (lembrando que nessa conta não entram os utilitários, como a Hilux), e pode ser creditado à renovação de sua linha compacta recentemente, com os novos Fit e City. Além disso, a marca deve manter o bom ritmo nas lojas com a estreia do crossover HR-V.
Mercado: Toyota, Nissan e Honda crescem; PSA, Fiat e VW recuam - veja lista
Já entre as que mais caíram, a PSA tem motivos para acender o sinal amarelo: a Peugeot amargou queda de 43,9% e a Citroën, de 46,9% - isso considerando que ambas estão com sua linha de produtos razoavelmente atualizada. Entre as demais quedas figuram as líderes Fiat, Chevrolet e Volkswagen, com recuo de 29,7%, 18,7% e 24,6% nas vendas, respectivamente.
Mercado: Toyota, Nissan e Honda crescem; PSA, Fiat e VW recuam - veja lista
Esse movimento, no entanto, pode ser considerado normal, uma vez que o Brasil aos poucos vai se tornando um mercado mais maduro, no qual o market-share é bem mais diluído entre as marcas e a liderança entre os modelos é bastante alternada no decorrer dos meses. Ou seja, a concorrência deverá ser ainda mais ferrenha nos próximos anos. Quem estará mais bem preparado? Mercado 2015 (primeiro trimestre) na comparação com igual período de 2014 Marcas - variação Audi: 22,2% Mercedes-Benz: 20,6% Toyota: 17,0% Nissan: 16,2% Honda: 12,5% Hyundai: - 2,4% Ford: - 3,6% Renault: - 15% Chevrolet: - 18,7% Mitsubishi: - 20,4% Volkswagen: - 24,6% Fiat: - 29,7% Peugeot: - 43,9% Citroën: - 46,9% Fonte: Anfavea  

Seja parte de algo grande