RAM desiste de produzir picape média e Dakota não terá sucessora

Em um movimento totalmente contrário à tendência da concorrência, a RAM confirmou que não produzirá uma picape média para suceder a finada Dakota. Em entrevista concedida à agência de notícias Automotive News, o CEO Bob Hegbloom declarou que não há planos para produzir uma caminhonete menor que os modelos atuais da marca. Segundo a marca, o modelo final poderia ficar muito caro e não atenderia completamente às normas de consumo e emissão de gases aplicadas nos Estados Unidos.
RAM desiste de produzir picape média e Dakota não terá sucessora
De acordo com a RAM, a meta para o porte do modelo era alcançar algo em torno de 14,8 km/l de consumo, mas a média poderia implicar em um preço final muito elevado e comprometer o ritmo de vendas. Dessa forma, um motor a diesel chegou a ser cogitado, mas novamente a proposta esbarrou na questão dos custos. Sem representação no segmento, resta à marca acompanhar de longe o sucesso alcançado pelas concorrentes, especialmente Chevrolet Colorado (nossa S10), GMC Canyon e Toyota Tacoma. Galeria: Dodge Dakota

Seja parte de algo grande