Nova Hilux 2016 terá motor 2.8 turbodiesel e frenagem autônoma

Detalhes sobre a próxima geração da Toyota Hilux não param de surgir e informações publicadas na Ásia antecipam agora as motorizações e os recursos tecnológicos que estarão presentes na nova picape. Conforme adianta o site australiano CarAdvice, que cita como fonte o fórum tailandês HeadlightMag, a oitava linhagem da camionete japonesa chegará ao mercado com uma nova gama de propulsores a diesel e uma inédito sistema de frenagem autônoma.
Nova Hilux 2016 terá motor 2.8 turbodiesel e frenagem autônoma
De acordo com a publicação, se as informações se confirmarem a Hilux 2015 será equipada com dois motores a diesel e um a gasolina. O primeiro será um 2.8 com 180 cavalos de potência e 45,9 kgfm de torque, seguido por um 2.4 com 170 cv e 40,7 kgfm de força. A gasolina a opção se manterá com o atual 2.7, que rende 158 cv e no Brasil recebe tecnologia bicombustível. O câmbio será manual de 5 ou 6 marchas, ou ainda automático de 6 velocidades. Em termos de tecnologia, a maior novidade ficará por conta do sistema de frenagem autônoma Autonomous Emergency Breaking (AEB). O recurso será adotado especialmente por conta do uso cada vez mais urbano da picape e terá a capacidade de frear automaticamente o veículo para evitar acidentes em baixas velocidades, sendo a nova Hilux o primeiro veículo comercial da Toyota a usá-lo.
Nova Hilux 2016 terá motor 2.8 turbodiesel e frenagem autônoma
O CarAdvice antecipa ainda que o tradicional sistema de feixe de molas empregado na suspensão traseira poderá ser dispensado em favor de um arranjo mais confortável. Como na nova Nissan Frontier, a Toyota poderá adotar um sistema com eixo rígido e braços de controle reforçados, o que alimenta as teorias sobre o uso da plataforma modular TNGA. O lançamento do modelo está programado para junho.

Seja parte de algo grande