Com a chegada do Ka+, Ford Fiesta perde versões de entrada no Reino Unido

Para evitar a canibalização com a linha Ka+ (nome do novo Ka na Europa), a Ford decidiu cortar as versões mais baratas do Fiesta no Reino Unido. Modelo mais vendido da marca naquele mercado, o compacto agora subiu o preço de entrada de 10.345 para 13.395 libras britânicas. A mudança na gama é parte da estratégia de abrir espaço para o New Ford Ka+, que oferece aos compradores experiência de condução próxima ao do irmão maior (baseado na mesma plataforma) e tem preço entre 8.995 e 9.995 libras. Na versão de topo Zetec, o Ka+ possui ar condicionado manual e sistema SYNC, além de muitos opcionais como rodas de liga leve aro 15", volante revestido em couro, controle de cruzeiro, rádio digital, ar digital, vidros elétricos traseiros e bancos com aquecimento.
Com a chegada do Ka+, Ford Fiesta perde versões de entrada no Reino Unido
Um porta-voz da Ford disse ao site Autocar: "Com o Ka+ chegando ao mercado nós queremos reposicionar o Fiesta para não canibalizar nossas próprias vendas. Além disso, as eliminadas versões Studio e Style respondem por apenas 3% dos emplacamentos do modelo." A maioria dos compradores britânicos escolhem as versões Zetec ou Titanium. De acordo com a publicação, mesmo com o aumento do preço de entrada o Fiesta deve continuar a ser o campeão de vendas no país. O Ford emplacou 71.823 unidades em 2016, enquanto o segundo colocado, Vauxhall Corsa, ficou bem distante com 47.962 unidades no mesmo período. Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande