Chamativo Toyota C-HR é flagrado sem disfarces em rodovia japonesa

O novo Toyota C-HR foi flagrado em testes finais em uma rodovia japonesa antes de seu lançamento mundial. Com início das vendas programado para o dia 14 de dezembro no Japão, e na sequência no Reino Unido, o novo SUV da Toyota chegará a outros mercados somente em meados do ano que vem. A unidade flagrada do novo C-HR estava somente com o emblema do nome e versão escondidos. O que chamou a atenção foi a ousada pintura na cor azul, fato que vai de encontro com a proposta de estilo arrojado do novo concorrente do Honda HR-V. Nos EUA e Canada, o C-HR será vendido com o mesmo conjunto mecânico do Corolla, ou seja, motor 2.0 aspirado de 150 cv aliado ao câmbio automático CVT. No Japão, o modelo também terá uma versão básica equipada com motor 1.2 turbo de 116 cv e 18,6 kgfm de torque, aliado a um câmbio manual de seis marchas ou automático CVT. Nas mais caras, terá uma opção híbrida com o mesmo conjunto motriz do novo Prius, que une um motor 1.8 a combustão com um elétrico para gerar 122 cv de potência combinada e prometer consumo de até 27 km/l. Para o Brasil, a situação é complicada. Por ser construído sobre a nova plataforma TNGA, a viabilidade do modelo ser produzido aqui está condicionada à produção da nova geração do Corolla com a mesma base. Como o sedã atual ainda tem um bom tempo de mercado, o C-HR vai ter que esperar, com rumores de que sua presença por aqui aconteça somente em 2018. Até mesmo uma eventual aparição no Salão do Automóvel é tida como incerta, pois a Toyota não quer criar expectativa por um modelo que ainda vai demorar para chegar. Por outro lado, há uma pressão por parte dos concessionários para que a marca agilize a chegada do modelo, ainda que importado.

Fotos: Toyota C-HR

Seja parte de algo grande