Kia promete mais de 37 novidades até 2020 no Brasil

Uma das marcas que mais perderam espaço no cenário brasileiro com o Super-IPI e regra de cotas do Inovar Auto para os importados, além da crise econômica, a Kia Motors do Brasil se apoia na mudança do governo brasileiro para adotar um tom mais otimista. "Gostaríamos de contribuir para com o retorno normal das atividades econômicas, ao mostrar que a Kia, nesses 24 anos de atuação, já passou por outras crises, mas sempre superando-as e acreditando no País", afirma José Luiz Gandini, presidente da importadora. "É preciso acabar com o pessimismo do consumidor brasileiro que, com a instabilidade político-econômica recente, tinha receio de investir", concluiu o executivo.

37 novidades até 2020

Mais importante que o anúncio, está no planejamento da marca até 2020. Na última última quinta-feira, 12/5, foi realizada a Convenção Mundial da Kia Motors Corporation no Hawaí, Estados Unidos. No evento, a montadora divulgou seus planos globais e confirmou a programação de 37 novos modelos ou facelits nos próximos quatro ano, além de novos motores e veículos elétricos e híbridos.
Kia promete mais de 37 novidades até 2020 no Brasil
Sem perder tempo, de lá mesmo, Gandini enviou comunicado aos 122 titulares da Rede Autorizada de Concessionária Kia Motors informando-os que sobre as novidades anunciadas e que elas também estão nos planos da operação brasileira.
Kia promete mais de 37 novidades até 2020 no Brasil
Vale lembrar que para este ano Kia havia confirmado a chegada da nova geração do Sportage, que já atrasou, das versões renovadas do Optima e Cerato, este último importado do México, além do compacto Rio nas versões hatch de duas e cinco portas e sedã.

Seja parte de algo grande