Fiat sofre críticas e extingue manual com conteúdo machista na Argentina

A Fiat tem passado por embaraços na Argentina depois de equipar todos os carros novos vendidos no país com um manual de instruções pra lá de atrapalhado. Descrito como "manual de bom uso", o documento foi alvo de críticas pesadas nas redes sociais e na imprensa local pelo conteúdo considerado machista e misógino. No livreto, o dono do carro é idealizado sempre como sendo do sexo masculino, enquanto os "co-pilotos" teriam sempre que ser mulheres "pelo menos com pernas bonitas".
Fiat sofre críticas e extingue manual com conteúdo machista na Argentina
Entre outra menagens, o manual diz: "Se nosso acompanhante é uma dama e a saia é muito curta, recomendamos, a fim de manter nossa concentração, que viaje atrás. Se a saia não é muito curta, mas se tem a mão comprida, que também viaje atrás". E continua: "Se o clima for propício para ligar o aquecedor nos lembramos que se pode tirar outras vantagens como: induzir uma menina de quem você goste a tirar uma peça de roupa".
Fiat sofre críticas e extingue manual com conteúdo machista na Argentina
Depois da tremenda repercussão negativa, a Fiat prontamente se comprometeu em retirar o documento de circulação. "Lamentamos que este tenha sido o resultado. A criação nunca teve como objetivo faltar com o respeito à comunidade", disse a empresa. Fotos: Reprodução 

Seja parte de algo grande