EUA: Concessionários preferem trabalhar com marcas japonesas do que americanas

As redes de concessionários dos Estados Unidos preferem trabalhar com marcas japonesas do que com as próprias empresas de Detroit, revela uma pesquisa da National Automobile Dealers Association. No levantamento, a Lexus teve as notas mais altas, seguida de Toyota, Subaru e Honda. Completando o Top 10 vieram Porsche, Ford (a mais bem colocada das norte-americanas), Mercedes-Benz, Kia, Jeep e Audi. O levantamento é considerado um bom indicador do sentimento do comerciante geral, e de como as montadoras consideram o feedback dos concessionários. O resultados foram obtidos em respostas de cerca de 9 mil concessionários a respeito do valor de franquia, as políticas da montadora e a equipe de campo de cada marca. A pesquisa surge logo após a General Motors e a Chrysler gastarem bilhões de dólares cortando milhares de concessionárias nos EUA. O plano, segundo o The Wall Street Journal, era tornar as concessionárias individuais mais rentáveis, embora isso significasse menos opções para os clientes. O problema real, claro, é que as montadoras de Detroit estavam passando por um período difícil na época. Foto: Honda

Seja parte de algo grande