Mais seguro, o atualizado Ford Fusion 2017 ganha prêmio Top Safety Pick Plus

Lançada em 2013 e atualizada neste ano, a segunda geração do Ford Fusion mostra que ainda tem bala na agulha. Submetido a bateria de testes do temido IIHS (Insurance Institute for Highway Safety), o Fusion 2017 não decepcionou nem um pouco.
Mais seguro, o atualizado Ford Fusion 2017 ganha prêmio Top Safety Pick Plus
A reestilização meia-vida trouxe melhorias como nova estrutura dianteira e para-choque reforçado. No teste realizado em 2013, o modelo obteve a nota "aceitável" no teste small overlap, sendo que o atual foi classificado como "bom" pelos especialistas do IIHS.
Mais seguro, o atualizado Ford Fusion 2017 ganha prêmio Top Safety Pick Plus
Graças a algumas mudanças estruturais, além da frente redesenhada e novo para-choque, o Fusion 2017 teve 5  cm de invasão da cabine no crash-test - muito melhor que os 15 cm do modelo pré-facelift. E não foi só isso, os cintos de segurança e airbags foram atualizados, o que permitiu um movimento mais controlado do dummie.
Mais seguro, o atualizado Ford Fusion 2017 ganha prêmio Top Safety Pick Plus
Outro ponto em que o modelo avançou foi na prevenção de impacto frontal. A avaliação melhorou de "básico" para "superior" graças ao acréscimo do sistema de frenagem automática. Em ambos os testes de pista (a 20 km/h e 40 km/h, respectivamente) o sedã fez bonito e evitou as colisões de forma exemplar.
Mais seguro, o atualizado Ford Fusion 2017 ganha prêmio Top Safety Pick Plus
Mas como nem tudo é perfeito, o Fusion pecou pelo sistema de fixação Isofix, que tem acesso difícil (as travas ficam em local muito profundo no banco) e recebeu apenas a classificação "marginal". Tudo somado, o Fusion 2017 entra para o seleto clube do Top Safety Pick+ ao lado de Honda Accord, Chevrolet Malibu, Subaru Legacy , Hyundai Sonata, Mazda6, Nissan Maxima, Kia Optima, Volkswagen Passat, Chrysler 200 e Toyota Camry. Fonte: IIHS

Seja parte de algo grande