Esta é a versão final da Yamaha MT-07 que vai subir a Pikes Peak com piloto brasileiro

No fim de abril a Yamaha revelou que teria uma equipe brasileira na subida de montanha Pikes Peak deste ano. Pois aí está a versão final da MT-07 que vai para a prova com o piloto Rafael Paschoalin. Aos 32 anos, Paschoalin enfrentará a competição neste próximo domingo, dia de 26 junho, após já ter se arriscado três vezes na mais famosa corrida de rua do mundo, o Troféu Turista da ilha de Man. Após acelerar a nova YZF-R1 no TT Ilha de Man, Paschoalin levará a Yamaha MT-07 para o Pikes Peak Realizada desde 1916, a subida de Pikes Peak completa 100 anos com novo regulamento nesta edição, proibindo modelos com semi-guidões – o que abriu a oportunidade de utilizar a MT-07 para o desafio. Para enfrentar as 156 curvas do trajeto de cerca de 20 km, a moto recebeu pneus especiais e relação mais curta, além de outras modificações. Afora as curvas de todos os raios, a tradicional prova de montanha tem como dificuldade extra largar de 2.300 metros de altitude e chegar a mais de 4 mil metros, onde o ar rarefeito judia de pilotos e máquinas. Esta competição consiste numa disputa cronometrada de tempo, onde ganha o piloto que completar a subida mais rápido, correndo de forma individual. Paschoalin vai disputar a categoria Middleweight, para motos de 2T ou 4T com motores de até quatro cilindros entre 501 e 750 cc. A MT-07 é equipada com motor de dois cilindros, 689 cc e 75 cv. O piloto destaca que ela é a moto ideal para a prova por ter torque para as saídas de curva, baixo peso e entre-eixos curto. Veja também:  Yamaha MT-07 encara a Honda CB650 e mais duas rivais!
Esta é a versão final da Yamaha MT-07 que vai subir a Pikes Peak com piloto brasileiro
Fotos: Divulgação e Arquivo CARPLACE

Seja parte de algo grande