Agora dona da Mitsubishi, Renault-Nissan deve se tornar 2ª maior montadora do mundo

A compra de 1/3 da Mitsubishi pela Nissan há algumas semanas deve gerar uma reviravolta no ranking global de vendas das montadoras. Conforme explica a consultoria LMC Automotive, o grupo formado pela Renault-Nissan-Mitsubishi deve se tornar o segundo maior fabricante de automóveis já em 2017, superando os maiores players do setor. A entidade avalia que no próximo ano o grupo Volkswagen assumirá a ponta do mercado, com o conglomerado franco-japonês ficando em segundo e a Toyota, líder em 2015, caindo para a terceira posição.
Agora dona da Mitsubishi, Renault-Nissan deve se tornar 2ª maior montadora do mundo
A conta inclui as vendas globais de automóveis e comerciais leves. Nos cálculos da LMC, a Renault-Nissan-Mitsubishi deve superar a Toyota em mais de 1,2 milhão de unidades, produzindo 12 milhões de veículos contra 10,8 milhões da rival.
Agora dona da Mitsubishi, Renault-Nissan deve se tornar 2ª maior montadora do mundo
Não custa lembrar, a Nissan comprou em maio 34% das ações da Mitsubishi, de modo a tornar-se a maior acionista da montadora. A transação aconteceu em um momento delicado para a MMC, que viu seu valor e credibilidade com o público caírem após o anúncio das fraudes em números de consumo em modelos vendidos no Japão desde 1991. Fotos: Divulgação

Seja parte de algo grande