Renault Twingo RS não vai chegar ao mercado; saiba porque

Prestes a chegar ao mercado, o Twingo GT será a versão mais potente da gama atual. Apresentado durante o Festival de Goodwood, em junho, o modelo mais apimentado terá 110 cv de potência, ganho importante contra os 70 ou 90 cv das versões regulares.

Leia também: Renault Twingo GT: visual esportivo e motor 0.9 turbo de 110 cv

Renault Twingo RS não vai chegar ao mercado; saiba porque

Todavia, havia a expectativa de que num futuro próximo chegasse ao mercado o ainda mais bravo Twingo RS, que no modelo anterior possuía um motor 1.6 de 133 cv. Mas nesta semana, a Renault foi bem clara sobre o assunto: a terceira geração não fará melhor e nunca estará disponível na versão RS, porque é "impossível".

Patrice Ratti, chefe da divisão Renault Sport, disse ao site Autocar que o RS teria que desenvolver cerca de 150 cv, e para isso o jeito mais fácil seria optar por um bloco de quatro cilindros. Uma opção negada para o novo Twingo, que optou por posicionar o motor na traseira, sob o porta-malas. O compartimento é pequeno e não pode receber um quatro cilindros.

Renault Twingo RS não vai chegar ao mercado; saiba porque
Renault Twingo RS Red Bull - (geração anterior)

Questionado sobre a possibilidade de usar como base o mesmo motor 3 cilindros turbo do GT, Ratti respondeu que isso iria impor alterações significativas, deixando o preço do carro mais caro. De acordo com ele, o GT é o bom equilíbrio entre desempenho, agilidade e preço. "Com essa potência e alterações do gerenciamento e suspensão, o carro é divertido de guiar".

Seja parte de algo grande