GM vê mercado chinês vendendo 30 milhões de veículos em 2020

GM vê mercado chinês vendendo 30 milhões de veículos em 2020
Baojun 310 Na contramão de suas principais rivais, a General Motors está bastante otimista sobre o futuro da indústria automobilista na China. O grupo enxerga que o crescimento agora está nas vendas de utilitários e populares nas pequenas cidades, um segmento frequentemente ignorado pelos fabricantes estrangeiros, de acordo com o chefão da GM China, Matt Tsien. Maior mercado do mundo, a China deve crescer para cerca de impressionantes 30 milhões de veículos em 2020, contra um total 24,6 milhões emplacados no ano passado. Para aumentar as vendas, o grupo aposta em sua forte joint venture, que lhe dará vantagem sobre os rivais globais nas áreas distantes dos grandes centros, completou Tsien. Baojun 630 Praticamente estagnadas nas mega cidades como Pequim e Xangai, as vendas continuam a evoluir em cidades menores e áreas rurais onde os motoristas procuram carros básicos e acessíveis - segmento de baixa margem de lucro que as montadoras estrangeiras normalmente ignoram. Tsien disse ainda que a GM está melhor posicionada do que os rivais em cidades pequenas por causa do investimento em marcas que começaram a operar no início da década passada, quando foi criada a SAIC-GM-Wuling, responsável por comerciais leves, além dos modelos populares vendidos como Baojun."Nós continuamos a ser muito otimistas sobre as perspectivas de crescimento da indústria automobilística chinesa. Vai continuar a crescer." Fonte: Automotive News

Seja parte de algo grande