SUVs esportivos se encontram na pista - e fora dela!

A Ferrari diz que nunca fará um, mas a Lamborghini já se prepara para lançar o seu. E toda marca que deseja realmente crescer no atual cenário automotivo global terá de, mais cedo ou mais tarde, incluir um SUV em sua gama. A última marca premium a se aventurar neste território foi a Jaguar, com o belíssimo F-Pace. A questão é que, enquanto os ingleses estudavam o mercado, a Porsche não lançou só um utilitário-esportivo, mas dois. E se tornou referência em SUVs esportivos com o Cayenne e, depois, com o Macan.

 

Comparativo Jaguar F-Pace x Porsche Macan

 

O F-Pace tem como principal rival justamente o Macan, o SUV mais dinâmico que o dinheiro pode comprar hoje em dia - ao menos por enquanto. Saímos na frente mais uma vez e já promovemos no Brasil o primeiro comparativo entre os dois, em suas versões topo de linha: F-Pace V6 S e Macan V6 Turbo (o Porsche usado para as fotos era da versão básica, mas consideramos o Turbo na avaliação e testes).

O modelo inglês acaba de chegar ao país em três versões (2.0 turbodiesel de 180 cv e 3.0 V6 a gasolina de 340 cv ou 380 cv), tabelado a R$ 405.900 nesta configuração top. Achou caro? Espere até ver a etiqueta do alemão: R$ 542.000 na linha 2017 (R$ 40.000 a mais que o modelo 2016). E isso é um posicionamento da Porsche Brasil, pois na Europa estas versões comparadas aqui se equivalem em preço, custando por volta dos 100 mil euros.

 

Comparativo Jaguar F-Pace x Porsche Macan

 

Sem histórico no mundo fora-de-estrada, Jaguar e Porsche tiveram ajuda no desenvolvimento de seus SUVs. O F-Pace traz muito do expertise 4x4 da Land Rover (marca do mesmo grupo JLR), enquanto o Macan teve como base o Audi Q5 (ainda que bastante modificado), marca com a qual divide o teto do Grupo Volkswagen. No visual, ambos remetem aos legítimos esportivos de cada casa: é fácil enxergar no F-Pace traços do F-Type na traseira larga com as lanternas delgadas, enquanto o Macan remete totalmente ao 911 na dianteira, com os faróis ovalados e os para-lamas mais altos que o capô. Qual o mais bonito? Não me coloque nessa fogueira, é uma questão de gosto.

 

Comparativo Jaguar F-Pace x Porsche Macan

 

E qual o melhor? Bom, depende do que você deseja. O F-Pace é um pouco maior que o rival em comprimento (4,73 m X 4,70 m), largura (1,93 m X 1,92 m) e altura (1,65 m X 1,62 m), e bem mais longo no entre-eixos (2,87 m X 2,80 m). O felino faz valer seu tamanho extra no interior, oferecendo maior espaço principalmente para os ocupantes do banco traseiro, que ficam um pouco justos no Porsche. Mesmo na frente percebemos que a cabine do Jaguar é um pouco mais larga. Outra vantagem do inglês é porta-malas de 650 litros, contra 500 l do alemão - um item importante em se tratando de carros familiares.

Mas o que o Porsche perde, digamos, no lado família, ele ganha no afago ao ego do motorista. O Macan está um degrau acima em termos de refinamento interno, ainda que o F-Pace também seja muito bem acabado, e se mostra mais voltado ao condutor com uma posição de dirigir mais esportiva. Em movimento, é afiado como nenhum outro SUV, e não é só pelo motorzão V6 turbinado de 3.6 litros. A direção é mais rápida e mais comunicativa que a do Jaguar, enquanto o câmbio PDK de dupla embreagem tem trocas tão imediatadas que a caixa automática de oito marchas do F-Pace não consegue acompanhar. Longe de mim, porém, dizer que o Jaguarzão não empolga. É do felino o urro mais belo do mundo SUV, com seu V6 de 3.0 litros Supercharger ecoando pelas ruas a cada pisada mais decidida no acelerador.

Também impressiona o que esses caras grandes e pesados fazem de curva. E aí não conta somente a suspensão independente nas quatro rodas, mas também a função ativa dos amortecedores para não deixar a carroceria rolar, além da eletrônica atuando na distribuição de tração em cada roda para trazer esses monstros para dentro da tangente. O F-Pace entra nas curvas com muita decisão e estabilidade, mas a naturalidade do Macan em estradas sinuosas nos faz esquecer que estamos no comando de um "jipão". E também na cidade ele se revela um pouco mais ágil que o rival, especialmente por conta da menor largura. Com o Jaguar é preciso ter cuidado redobrado em vias de pistas estreitas, pois os motoboys passam a milímetros do seu retrovisor.

 

Comparativo Jaguar F-Pace x Porsche Macan

 

Ter compromisso com a esportividade deixou a rodagem desses SUVs um tanto firme, ainda que confortáveis. Com rodas grandes e pneus de perfil baixo, eles não ficam exatamente à vontade ao enfrentar pisos ruins ou estradinhas de terra, mas ao menos a altura livre do solo elevada os livra de raspar os para-choques em entradas de garagem e lombadas - verdadeiros obstáculos para os legítimos esportivos da Jaguar e Porsche, e justamente um dos motivos do sucesso de modelos como o Cayenne no Brasil.

Em ambiente off-road, ambos se defendem bem com a tração 4x4 de distribuição eletrônica de torque, mas o F-Pace dispõe de mais recursos: há até um piloto automático que cuida sozinho do acelerador e do freio em subidas e descidas íngremes, bastando ao motorista comandar o volante! Outra exclusividade do Jaguar é a pulseira-chave, que serve para o dono não precisar levar a chave original enquanto pratica esportes - sendo inclusive à prova d'água.

O arrojo tecnológico do F-Pace também fica evidente no posto de comando. Ele aboliu o quadro de instrumentos analógico em favor de uma tela TFT de 12,3" que pode exibir diversas configurações do carro, além de assumir dois modos distintos: no normal, a coloração é azul e o velocímetro fica em posição central; no esportivo, a iluminação fica vermelha e o conta-giros passa ao lugar central, em posição de destaque.

 

Comparativo Jaguar F-Pace x Porsche Macan

 

O Porsche é mais tradicionalista, mantendo a partida por chave (do lado esquerdo como manda a tradição de Le Mans) e o quadro de instrumentos analógico. Mesmo assim, uma parte do cluster é totalmente digital e pode exibir desde as configurações do veículo até o mapa do sistema de navegação. Tanto Macan quanto o F-Pace trazem centrais multimídia fáceis de usar e rápidas na interface, com destaque para a tela gigantesca (10,2") do Jaguar. Já o sistema de som é da Meridian no F-Pace e da Bose no Macan, duas marcas que sabem agradar mesmo os audiófilos mais exigentes.

 

Comparativo Jaguar F-Pace x Porsche Macan

 

Na pista, a leveza da estrutura de alumínio do Jaguar (cerca de 140 kg mais leve que o rival) não foi páreo para a força bruta do Porsche e seu câmbio de "corrida". Com 400 cv e uma patada de 56,1 kgfm somados ao sistema launch control (controle de largada), o Macan Turbo acelerou de 0 a 100 km/h em apenas 4,8 segundos - exato 1 s antes que o F-Pace S. O alemão também faturou as duas provas de retomada e as três de frenagem. Mas vale destacar que o Jaguar é nada menos que um canhão nas arrancadas, com seus 380 cv e 45,9 kgfm, atingindo números próximos aos do rival mesmo tendo 10,2 kgfm de torque a menos e um câmbio não tão rápido nas mudanças.

O resultado dos testes acaba refletindo um pouco da conclusão do comparativo: o Macan Turbo ainda é o SUV definitivo se você deseja desempenho e dirigibilidade esportiva acima de tudo. Já o F-Pace S é suficientemente dinâmico e agrada mais no lado SUV da coisa, com melhor acomodação para a família e mais habilidades quando o asfalto termina. Quem optar pelo Jaguar ainda economizará cerca de R$ 136 mil, uma diferença que não pode ser desprezada mesmo quando o assunto são SUVs de sonho como esses.

Fotos: Autor e Rafael Munhoz (internas Macan)

Fichas Técnicas:

Jaguar F-Pace S

Motor: dianteiro, longitudinal, seis cilindros em V, 24 válvulas, 2.995 cm³, compressor mecânico, injeção direta, gasolina; Potência: 380 cv a 6.500 rpm; Torque: 45,9 kgfm a 4.500 rpm; Transmissão: câmbio automático de oito marchas, tração AWD; Direção: elétrica; Suspensão: independente double wishbone na dianteira e traseira; Freios: discos ventilados na dianteira e sólidos na traseira; Rodas: aro 19″ com pneus 255/55 R19; Peso: 1.861 kg; Capacidades: porta-malas 650 litros, tanque 63 litros;Dimensões: comprimento 4.731 mm, largura 1.936 mm, altura 1.652 mm, entre-eixos 2.874 mm

Porsche Macan Turbo

Motor: dianteiro, longitudinal, seis cilindros em V, 24 válvulas, 3.605 cm³, turbo, injeção direta, gasolina; Potência: 400 cv a 6.000 rpm; Torque: 56,1 kgfm entre 1.350 rpm e 4.500 rpm; Transmissão: câmbio automatizado de sete marchas, dupla embreagem, tração integral; Direção: elétrica; Suspensão:independente McPherson na dianteira e independente multilink na traseira, molas pneumáticas; Freios:discos ventilados nas quatro rodas com ABS e EBD; Rodas: aro 21″ com pneus 265/40 R21 na dianteira e 295/35 R21 na traseira Peso: 2.000 kg; Capacidades: porta-malas 500 litros, tanque 75 litros; Dimensões:comprimento 4.699 mm, largura 1.923 mm, altura 1.624 mm, entre-eixos 2.807 mm

MEDIÇÕES
    F-Pace Macan
Aceleração    
  0 a 60 km/h 2,9 s 2,5 s
  0 a 80 km/h 4,2 s  3,4 s
  0 a 100 km/h 5,8 s  4,8 s
Retomada    
  40 a 100 km/h em S 4,0 s 3,3 s
  80 a 120 km/h em S 3,6 s 3,1 s
Frenagem    
  100 km/h a 0 37,4 m 35,4 m
  80 km/h a 0 23,6 m 22,0 m
  60 km/h a 0 13,0 m 12,5 m
Consumo    
  Ciclo cidade 5,7 km/l  N/A
  Ciclo estrada 8,9 km/l  N/A

Seja parte de algo grande