Novos motores e câmbio dão vida ao compacto

A Fiat adiantou uma novidade que só era aguardada em 2017 para o Salão de São Paulo. O Mobi recebe o novo motor 1.0 de 3-cilindros Firefly em sua linha para uma versão exclusiva, Drive, com a possibilidade de estar ligado ao câmbio automatizado Dualogic.

Em números, mantém a configuração do Uno, com até 77 cv de potência e 10,9 kgfm de torque. As vendas começam na segunda quinzena de novembro.

Posicionado em preço abaixo do topo de linha Like On (R$ 42.930) e acima do Like (R$ 38.470), o Drive só se diferencia externamente pelo logo na tampa traseira. Além do motor tricilíndrico, o Mobi Drive traz direção elétrica com modo City, que deixa o peso leve para manobras e baixas velocidades, e tela no painel de instrumentos em TFT, como no Uno.

Segundo a Fiat, o subcompacto assume a posição de 1.0 mais econômico do país, com 13,6 km/l na cidade e 15,8 km/l na estrada, com gasolina, e 9,3 km/l e 10,9 km/l respectivamente com etanol. Para os demais Mobi, a Fiat lança finalmente o sistema LiveOn, que utiliza o smartphone como controlador de som e computador de bordo, com app de análise de condução, o Ecodrive.

Fotos: Donizetti Castilho

Seja parte de algo grande