Salão do Automóvel: Renault apresenta novos motores SCe 1.0 3-cilindros e 1.6

Principal novidade mecânica da Renault do Brasil nos últimos anos, a nova família de motores SCe estreia sob o capô dos compactos Sandero e Logan e dos maiores Duster, Oroch e do novo Captur no Salão do Automóvel de São Paulo.

Formada por um propulsor 1.0 de 3 cilindros e um 1.6 com 4 cilindros, eles substituem os atuais com construção mais moderna, economia e maior potência, além de fabricação nacional. O 1.0 16v, quase o mesmo desde o lançamento do Clio, dá lugar ao SCe de 3-cilindros com avanços significativos. Na tendência seguida pelo mercado, ele é construído totalmente em alumínio, bloco e cabeçote, e será o único com comando duplo variável e  possui corrente de comando em vez de correia dentada. A potência gerada será de 82 cavalos e o torque chegará a 10,5 kgfm. Dados de fábrica apontam aceleração de 0 a 100 km/h em 13 segundos e consumo de 13,8 km/l no Logan e 14,2 km/l no Sandero em ciclo urbano com gasolina.

Salão do Automóvel: Renault apresenta novos motores SCe 1.0 3-cilindros e 1.6

De uma só tacada, o novo 1.6 SCe substituirá o 1.6 8 válvulas de Sandero e Logan como também o 1.6 16 válvulas usado pelo Duster e pela picape Oroch. No caso dos compactos, a potência será de 118 cv a 5.500 rpm, com torque de 16 kgfm a 4.000 rpm. A Renault garante consumo de 12,8 km/l em percurso urbano no hatchback e 13 km/l no sedã, e aceleração de zero a 100 km/h feita em 9,8 segundos nos dois modelos. Destaque para o uso do start-stop como recurso para reduzir o consumo.

Já para a dupla Duster/Oroch e o novo SUV médio Captur, a potência subirá para 120 cv e o torque saltará para 16,2 kgfm de máxima. Dados de fábrica antecipam médias de 11,2 km/l no SUV e e 11,1 km/l na picape (na cidade, com gasolina e sem start-stop), e aceleração de 0 a 100 km/h em 11,8 segundos e 12,5 s, respectivamente.

Salão do Automóvel: Renault apresenta novos motores SCe 1.0 3-cilindros e 1.6

A novidade estará disponível nas lojas em dezembro, a não ser o Captur que chega apenas em fevereiro. Sandero e Logan estreiam no mercado um pouco antes, ainda em novembro, mantendo as mesmas opções de câmbio (incluindo o automatizado Easy-R).

Fotos: Donizetti Castilho/divulgação

Seja parte de algo grande