Modelo surge como conceito, mas tem grandes chances de chegar à produção em série

Volkswagen Passat GT

A Volkswagen fabrica um Passat que é exclusivo para os EUA. Ele é feito em Chattanooga, no Tennesssee. E a empresa vai aproveitar o Salão de Los Angeles para exibir uma versão conceitual de seu sedã, o Passat GT Concept. Parece que os GT voltaram à moda na empresa...

Volkswagen Passat GT

Equipado com um motor de 3,6 litros TSI VR6 de 280 cv (a Volkswagen diz que são 280 hp, mas tudo indica que é uma simplificação, já que este motor, o EA390, tem 280 cv na Europa), o Passat GT vem equipado com uma transmissão DSG de dupla embreagem e seis marchas, com embreagens banhadas a óleo. Além disso, traz rodas de aro 19" do modelo Tornado, pinças de freio vermelhas, uma grade dianteira em colmeia com insertos vermelhos, lembrando a grade do Golf GTI, para-choques exclusivos, teto preto, aerofólio na tampa do porta-malas, faróis de LED, lanternas escurecidas, saídas de escape duplas e trapezoidais e um escapamento esportivo.

Volkswagen Passat GT

Por dentro, painel em black piano, bancos esportivos em dois tons e detalhes em padrão de fibra de carbono completam o pacote.

Volkswagen Passat GT

O Passat americano é construído sobre a plataforma PQ46, a mesma do Passat B7, ou a geração anterior do modelo europeu. Ele tem 4,87 m de comprimento, 1,83 m de largura, 1,47 m de altura e um entre-eixos de 2,80 m. O GT é 1,5 cm mais baixo. E deve ser oferecido como opção de série em questão de meses, se for bem recebido pelo público do Salão de Los Angeles. 

Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande

VW Passat GT Concept