Enquanto algumas marcas mostraram surpresas, outras ficaram devendo certas presenças

Dias antes do Salão de São Paulo, nós fizemos a lista de modelos que precisavam, sem falta, serem vistos pelos visitantes. Bem, alguns resolveram não aparecer em seus estandes, outros erraram de Salão e pousaram em Los Angeles. E há também os que nem deram satisfação. Veja quais foram:

 

Ford EcoSport 2018
Ford EcoSport 2018

 

Novo Ford EcoSport 

Chegamos com tudo para conhecer a reestilização do EcoSport. Mas o máximo que está no Salão é o Ka Trail, versão aventureira do compacto. A Ford decidiu que o Salão de Los Angeles teria a honra de estrear para o mundo as mudanças do SUV compacto. Com novo desenho frontal e novo painel, com melhor acabamento, o Eco será vendido nos Estados Unidos pela primeira vez, mas só em 2018. Apesar de ser mostrado lá primeiro, aqui ele começará a ser vendido antes, no primeiro semestre de 2017. Mas manterá o estepe na traseira e não terá motor 1.0 Ecoboost. O Eco nacional terá como atração o inédito motor 1.5 3-cilindros da família Dragon.

 

Hyundai Veloster Turbo
Hyundai Veloster Turbo

 

Hyundai Veloster Turbo

Em 2014, a importadora Caoa chegou a anunciar sua venda no ano seguinte. Em 2016, rolaram boatos de que a versão turbo do tão polêmico Veloster finalmente desembarcaria. Para o Salão, nem sua sombra. Mas, veja só, as lojas estão vendendo as poucas unidades que chegaram ao Brasil para homologação em 2014 com preço de R$ 140.000. Ao menos os coreanos surpreenderam com o novo Tucson equipada com motor 1.6 turbo, já produzido em Anápolis (GO). 

 

Kia Rio
Kia Rio

 

Kia Rio

Antiga promessa para o Brasil, o hatchback Rio continua sendo uma lenda urbana. Agora com a fábrica da Kia no México para abastecer o nosso mercado, ele era aguardado ao menos como visitante em sua nova geração, apresentada no Salão de Paris. Seu estilo perdeu o jeito asiático graças aos centros de design da marca nos Estados Unidos e Europa. Para São Paulo, veio o Niro, um SUV híbrido que a princípio não será vendido no Brasil. E o Rio virou promessa (de novo!) para 2017.

 

Mercedes-Benz Classe X
Mercedes-Benz Classe X

 

Mercedes-Benz Classe X

Um dos mercados mais cotados para receber a primeira picape média da Mercedes-Benz é o Brasil, com fabricação na Argentina. Por isso, havia expectativa de conhecer ao menos seu conceito, apresentado semanas antes na Suécia. A inédita Classe X dividirá plataforma com a Nissan Frontier, que estava no estande logo à frente no São Paulo Expo, mas será bem mais luxuosa e equipada. Vendas locais só em 2018. 

 

VW Golf GTE
VW Golf GTE

 

Volkswagen Golf GTE

O Golf híbrido plug-in foi ao Salão em 2014 e a Volkswagen chegou a estudar sua venda no Brasil para concorrer no pequeno segmento dos carros "verdes". Esperado para 2016, desta vez como lançamento, foi uma ausência no estande da marca. Por ser importado, ele deverá passar pela mesma reestilização que foi apresentada na Europa este mês antes de qualquer ação no Brasil.

 

BMW G 310 R
BMW G 310 R

 

BMW G 310R

Primeira moto compacta no portfólio da BMW Motorrad, a G 310R era uma das presenças aguardadas para o Salão. Isso porque ela será feita no Brasil em 2017, na fábrica que a BMW acabou de inaugurar em Manaus (AM). Ela será rival da Yamaha MT03 com preço na faixa dos R$ 25.000, usando motor monocilíndrico de 310 cc e 34 cv. No Salão só estava a F700 GS, que assume por enquanto o lugar de moto de entrada da marca.

Seja parte de algo grande

As ausências do Salão de São Paulo

Foto de: Redação Brasil