Objetivo da marca é se tornar líder mundial em vendas de carros elétricos até 2025

Com o objetivo de se tornar a líder mundial em carros elétricos até 2025, a Volkswagen terá que expandir o mercado de veículos verdes para muito além de mercados como Europa, EUA, Japão e China. Nesta semana, durante a tradicional reunião de fim de ano na Argentina, a marca anunciou, entre outras coisas, que passará a vender carros elétricos no país vizinho. 

Este anúncio atende a um plano do governo local, que criou no começo deste ano a chamada "Mesa de Veículos Elétricos", integrada por órgãos do governo e representantes de setores ligados a indústria automotiva local. O objetivo é incentivar a produção e a comercialização de carros elétricos no país. 

 

Volkswagen I.D. Concept Paris Motor Show

 

A Volkswagen, por sua vez, afirmou em meados do ano durante a apresentação do plano estratégico para os próximos 10 anos que “em 2025, queremos vender um milhão de carros elétricos por ano e também queremos ser os líderes globais no mercado da eletromobilidade”.

Dentro dessa nova estratégia "pós-dieselgate", a grande novidade revelada até agora é o inédito hatch elétrico que chega ao mercado até 2020. Construído sobre a nova plataforma MEB, o modelo batizado de I.D conta com propulsão completamente elétrica e direção autônoma. Custando o equivalente a um Golf a diesel, ele será a arma da VW para popularizar os veículos verdes.

 

Volkswagen I.D. Concept Paris Motor Show

 

Há expectativa da imprensa local de que durante o Salão de Buenos Aires, em junho, a Volkswagen revele quais serão os carros elétricos serão vendidos no país vizinho.

Fonte: Argentina Autoblog

Seja parte de algo grande

Volkswagen I.D. Concept Paris Motor Show