Hatch médio tem motor 1.0 TSI de 110 cv na versão de entrada, mas ainda não veio com o motor 1.5 TSI Evo. Por que será?

Ainda sem data definida para chegar ao Brasil, o Volkswagen Golf 2017 reestilizado começou a ser vendido na Alemanha. Trata-se da primeira atualização da geração atual, que foi lançada em 2012, e tem como destaque a maior oferta de tecnologia. 

Sem ser radical, o facelift trouxe uma nova dianteira, com faróis de LED mais sofisticados e para-choque mais elaborado. Na traseira, as lanternas receberam LEDs e nova disposição interna de luzes. O para-choque foi levemente redesenhado, assim como as saídas de escape.

 

Volkswagen Golf estreia visual renovado, motor 1.5 TSI e novo câmbio DSG

 

Internamente, as principais novidades são o novo quadro de instrumentos digital de 12,3" e o sistema multimídia Discover Pro (disponível nas versões de topo) completamente revisto, com tela de 9,2" e suporte para comandos por gestos.

No caso do modelo vendido no mercado alemão, a versão de entrada Trendline, que custa 19.625 euros (R$ 72,4 mil), vem equipada com o motor 1.0 TSI de 110 cv, câmbio manual de 6 marchas e itens como LEDs diurnos, stop/start, ar-condicionado, sistema de recuperação de energia dos freios e sistema multimídia Composition Color. Essa versão também pode vir com motor 1.6 TDI turbodiesel de 115 cv, com câmbio manual de 5 marchas ou DSG de 7 marchas.

 

Volkswagen Golf estreia visual renovado, motor 1.5 TSI e novo câmbio DSG

 

Na sequência, a versão Comfortline traz itens como frenagem de emergência e monitoramento de pedestres. A parte esquisita é que o novo Golf deveria estrear o motor 1.5 TSI Evo, de 150 cv, mas a versão Comfortline traz só a opção do antigo motor 1.4 TSI (de 125 ou 150 cv), com câmbio manual de 6 marchas ou o DSG de 7, além do mesmo 1.0 TSI da versão Trendline. Com ele, o Comfortline custa 21.675 euros. Outras opções de motor são o mesmo 1.6 TDI do Trendline e o 2.0 TDI de 150 cv, provavelmente o mesmo EA 189 do Dieselgate, só com câmbio manual de 6 marchas.

 

 

O acabamento Highline (24.500 euros) agrega ainda faróis full-LED, rodas de aro 17" e ar-condicionado digital. Seus motores são o 1.4 TSI e o 2.0 TDI, com as mesmas opções de câmbio. Nada do 1.5 TSI Evo aqui também...

Já o tradicional esportivo GTI parte de 29.975 euros e está disponível com o motor 2.0 TSI de 230 cv e câmbios manual de 6 marchas e DSG com embreagens banhadas a óleo, também de 6 marchas. Os destaques são a suspensão esportiva, rodas de aro 17" com design exclusivo, faróis full-LED, ar-condicionado digital e bancos dianteiros esportivos. 

No Brasil, o Golf é oferecido com quatro opções de motorização (1.0 TSI, 1.6 MSI, 1.4 TSI e 2.0 TSI) e preços que variam de R$ 74.990 a R$ 128.867. A Volkswagen ainda não confirmou a data de chegada do modelo reestilizado por aqui, mas ele é aguardado para 2018. 

Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande