O carro número 10.000, um 570S cinza, saiu do Centro de Produção da McLaren pouco mais de cinco anos após a primeira MP4-12C

A britânica McLaren fabricou seu carro número 10.000 pouco mais de cinco anos após o primeiro ter saído da fábrica na Inglaterra. 

Para esta marca, o escolhido foi um modelo 570S com pintura em "Ceramic Gray" - da carta de cores da McLaren Special Operations - que será enviado para a frota histórica da montadora. 

Mike Flewitt, CEO da McLaren Automotive, disse: "A produção do McLaren 10.000 é uma significante marca na curta história da companhia. O fato é que demoramos 42 meses para produzir 5.000 carros e apenas mais 22 meses para fazer os outros 5.000, o que diz muito sobre o desenvolvimento da empresa. Muito dessa evolução é graças a introdução da família Sport Series, e por isso o carro 10.000 é um McLaren 570S."

O primeiro McLaren MP4-12C saiu do futurista Centro de Produção da McLaren apenas 14 meses após o inicio da construção da fábrica. Este ano, um segundo turno de produção foi adicionado para atender a demanda dos Sport Series - o 540C, 570S e o 570GT - dobrando a capacidade de 10 carros por dia para 20. Um total de 750 pessoas trabalham no Centro de Produção.

A McLaren já anunciou um terceiro turno ainda para 2016 - uma conquista jamais conseguida por um fabricante com apenas cinco anos de idade. As vendas praticamente dobraram em 2016, saindo de 1.654 unidades em 2015 para cerca de 3.000. Mais de 90 por cento destes carros foram vendidos para fora da Inglaterra.

Ela ainda fica para trás das grandes fabricantes italianas de superesportivos, Ferrari e Lamborghini. Mas chegou aos 10.000 carros, literalmente, décadas antes das rivais. Manter uma sólida terceira colocação em vendas é uma grande conquista para a história da novata companhia. 

Fotos: Divulgação

 

Seja parte de algo grande

McLaren 570S - McLaren number 10,000