Marca aperta o cinto para implementar estratégia de lançar novos utilitários

A Hyundai deve iniciar o ano de 2017 colocando em prática uma nova estratégia comercial. O objetivo é se alinhar às novas tendências de mercado. Conforme relata a agência de notícias Reuters, a gigante sul-coreana apertará o cinco com o objetivo de direcionar gastos para áreas consideradas prioritárias, como os segmentos de SUVs, veículos comerciais e picapes.

Com base nessa nova diretriz, a Hyundai reduzirá viagens de executivos para o exterior (apostará em videoconferências, bem mais baratas) e diminuirá gastos com iluminação e impressão, além de cortar o salário dos principais dirigentes em 10%. "Nossa meta é implementar um plano de longo prazo. Por enquanto, estamos tentando economizar cada centavo", disse um porta-voz.

Atualmente, a maior preocupação da marca diz respeito ao mercado de utilitários. Nas palavras da própria empresa, há um "desajuste entre a tendência do mercado e nossa linha de produtos", especialmente no segmento de SUVs. Com um portfólio composto basicamente por sedãs e modelos compactos, a companhia está perdendo o boom das vendas de crossovers e deixando de ganhar dinheiro.

 

Hyundai SUVs e picapes

 

No mercado norte-americano, há marcas que têm 50% de seus emplacamentos concentrados no mercado de SUVs. No caso da Hyundai, que tem apenas o Tucson e o Santa Fe à venda por lá, esses índice só chega a 28%.

Recentemente chegou ao mercado o Creta, mas com atuação específica em países emergentes. Falta, portanto, um SUV para brigar com Jeep Renegade, Honda HR-V e Mazda CX-3, nos EUA, e com Toyota C-HR, Renault Captur e tantos outros em mercados da Europa. Além disso, não há uma linha forte de veículos comerciais (no Brasil, por exemplo, existe apenas o caminhão HR) ou representação no segmento de picapes, considerado um dos mais promissores do momento.

 

Salão do Automóvel: Hyundai Creta STC Concept surpreende e sugere uma picape anti-Toro

 

Com base na nova estratégia, a Hyundai espera corrigir estas falhas e adequar o portfólio à nova realidade do mercado. Os primeiros sinais de mudança já foram dados: vide as picapes Santa Cruz e Creta STC Concept, além dos novos SUVs que circulam em testes.

Leia também:

Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande