Primeira mostra internacional do ano foi marcada por renovação dos líderes gringos e pela ausência dos superesportivos. Veja os destaques

Passada a cobertura do Salão de Detroit 2017, chegou o momento de fazer um balanço da grande primeira mostra do ano, o mundialmente famoso NAIAS (North American International Auto Show). Desta vez com algumas novidades para o Brasil, como o Ford EcoSport reestilizado e o Chevrolet Equinox, o salão teve seus pontos altos e baixos. Eis o que achamos, numa visão brasileira da mostra gringa. 

 

Volkswagen I.D. Buzz Concept: Detroit 2017

O melhor...

Volkswagen I.D. Buzz - Esta é a terceira vez que a VW mostra uma espécie de Kombi para o futuro. Nossos colegas do Motor1 USA reclamaram que a marca alemã ainda está muito em cima do muro, mas nós achamos a I.D. Buzz muito louca. E o melhor: ela teve a versão de produção prometida para 2025. A Buzz será a van da família I.D. da VW, uma linha de elétricos que terá ainda um hatch do porte do Golf e um SUV. Ainda muito futurista, a Buzz é equipada com dois motores elétricos (um em cada eixo) de 374 cv totais, com autonomia superior a 600 km. A condução pode ser pelo motorista e ou completamente autônoma, podendo o condutor virar seu banco e fazer uma reunião com os demais passageiros. O painel é todo digital, estilo 3D, e o volante é retrátil, se recolhendo no modo de condução autônoma. Veja mais sobre a I.D. Buzz

 

2018 Kia Stinger: Detroit 2017

 

Kia Stinger - Em meio a tantos carros elétricos e autônomos, foi reconfortante para nós entusiastas ver o lançamento de um sedã potente e com tração traseira - que pode ter o ESP desligado para fazer fumaça e andar de lado! Pois o novo Kia Stinger mede 4,8 metros de comprimento e pode ser equipado com motores 2.0 turbo de 255 cv e 3.3 V6 biturbo de 365 cv, este oferecido com tração traseira ou integral AWD, sempre com câmbio automático de 8 marchas. Acelera de 0 a 100 km/h em 5,1 segundos e chega à máxima de 269 km/h. Nos EUA, está sendo chamado de Audi S7 da classe média. Kia do Brasil, traz para nós! Veja mais sobre o Kia Stinger

 

Audi Q8 Concept: Detroit 2017

 

Audi Q8 - Demorou para a marca do anéis entrar na briga de BMW X6 e Mercedes GLE, mas vai fazê-lo em grande estilo. É o que mostra o Q8 Concept, um SUV-cupê com a linha do teto curva e uma dianteira bastante agressiva, com a grade destacada da carroceria. Atrás, ele também surpreende para um Audi ao exibir uma lanterna que atravessa toda a extensão da tampa. Por dentro, painel totalmente digital e apenas quatro lugares em bancos esportivos individuais. A versão final poderá aparecer no Salão de Frankfurt. Veja mais do Audi Q8

 

Flagra do Chevrolet Equinox no Brasil

 

Chevrolet Equinox - Trata-se do SUV derivado do Cruze, apoiado na plataforma D2XX, que estreia com motores turbo 1.5 e 2.0 litros, em versões de tração dianteira e integral. Poderia ser apenas mais um SUV norte-americano se não fosse o fato de que ele será vendido no Brasil como substituto do Captiva. É menor e mais urbano que o antigo Equinox, mas ainda assim esbanja espaço interno e vem bastante equipado. Se bem posicionado em preço, poderá incomodar os novos Hyundai Tucson, Kia Sportage e até o Jeep Compass. Veja mais sobre o Chevrolet Equinox

 

2018 Ford F-150: Detroit 2017

 

Ford F-150 - Líder de vendas do mercado norte-americano há décadas, a F-150 chegou renovada à Detroit. E impressiona com sua imponência e sofisticação - o que deixa uma "invejinha" em nós, brasileiros, pois ela bem que poderia ser oferecida aqui como rival da RAM 2500. Ganhou novos recursos de segurança, como frenagem automática de baixa velocidade e piloto automático adaptativo, além de uma inédita opção de motor a diesel. Ao vivo, ela não deixa dúvidas de porque é a preferida dos americanos. É uma senhora picape! Veja mais sobre a nova Ford F-150  

...e o pior

Cadê os supercarros? - Salão do Automóvel é a hora de ver Ferrari, Lamborghini, Porsche, Bentley, McLaren... Mas todas essas marcas deram "no show" em Detroit. O máximo que havia para ver era Acura NSX, Ford GT, Chevrolet Corvette, entre outros bólidos menos famosos.

  

Ford GT no Brasil

 

Toyota Camry - Se a F-150 é líder de vendas no geral, o Camry dá as cartas entre os automóveis desde o ano 2000. Para Detroit, a Toyota promoveu a estreia da nova geração do sedã, agora com a plataforma modular TNGA e maior espaço interno. Mas o design continua mais do mesmo, além de ganhar uma frente controversa que a Toyota diz ser mais "esportiva". Nós diríamos controversa... Veja mais sobre o novo Toyota Camry

 

2018 Toyota Camry: Detroit 2017

 

Hatches antigos - Se na Europa já foram mostradas as novas gerações do Ford Fiesta e do Hyundai i30 (vendido como Elantra GT nos EUA), em Detroit estavam expostos os modelos antigos. A explicação é simples: com a gasolina barata, qual americano quer andar de hatch compacto/médio? A renovação destes modelos não é prioridade por lá. 

 

2016 Hyundai Elantra GT live in Chicago

 

Executivo da VW preso - A cena não aconteceu no Cobo Hall, mas era para o executivo Oliver Schmidt apresentar as novidades da Volkswagen por lá durante a coletiva de imprensa da marca, na segunda-feira. Isso se ele não tivesse sido preso no sábado pelo Federal Bureau of Investigation, ainda por conta do Dieselgate. Autoridades americanas acreditam que Schmidt "estava bem ciente de que a VW havia instalado software nos carros a diesel vendidos nos EUA de 2009 a 2015, para detectar e enganar os testes de emissões".   

 

2018 Volkswagen Atlas R-Line: Detroit 2017

 

Por Daniel Messeder, de Detroit (EUA)

Viagem a convite da Ford

Fotos: Motor1

Seja parte de algo grande