Esportivo foi penalizado pela falta de pré-tensionadores e limitadores de carga nos cintos traseiros

Entidade responsável por avaliar a segurança dos carros vendidos na Europa, o Euro NCAP pôs à prova recentemente o esportivo Mustang e o resultado não foi dos melhores. Conforme adiantado pelo órgão, o muscle norte-americano alcançou apenas duas estrelas (de um total de cinco) e foi penalizado em alguns pontos considerados básicos.

De acordo com o relatório, o modelo se comportou mal no testes de impacto, especialmente por conta dos airbags que não abriram de forma suficiente durante a colisão. Além disso, o manequim deslizou para baixo do cinto e expôs o risco de lesões abdominais no caso de um acidente real. Em outra prova, o dummy bateu com a cabeça fora do airbag de cortina. 

Também contribuíram para o resultado a falta de pré-tensionadores e limitadores de carga nos cintos de segurança traseiros. O primeiro reduz a folga do cinto durante o impacto, enquanto o segundo previne os ocupantes de lesões decorrentes do uso do próprio cinto em colisões mais fortes.

Os testes, vale lembrar, foram feitos com o modelo 2017, pré-facelift. 

Leia também:

Fotos: Euro NCAP

 

Seja parte de algo grande