A galeria de fotos da nova perua da BMW é quase pura pornografia automotiva

Não ouse dizer o contrário: as peruas, ou station wagons, são as figuras mais sensuais quando se trata de automóveis. Mesmo perdendo espaço para os utilitários esportivos, ainda há algumas marcas que resistem com elas no mercado. A BMW é uma delas e reforça sua linha com a nova geração da Série 5 Touring.

Assim como o Série 5 sedã, a perua usa a plataforma CLAR da BMW, com uso intensivo de alumínio para uma considerável redução de peso, assim como componentes da suspensão e da carroceria, como a tampa do porta-malas. Fora o charme do desenho "mini-Série 7", com a adição de uma bela traseira que dá ao modelo um porta-malas de 570 litros. 

2017 BMW 5 Series Touring
2017 BMW 5 Series Touring

A grande mágica está na praticidade de uma perua, ainda mais em uma de luxo como a Série 5 Touring. O porta-malas tem abertura elétrica, com opção individual apenas para o vidro (solução que ficou famosa no Brasil com o Peugeot 206/207 SW) e até mesmo o rebatimento dos bancos traseiros é feito com o toque de um botão. Quando isso acontece, são 1.700 litros de espaço para usar como quiser. Em medidas, são 4,94 m de comprimento, 1,87 m de largura, 1,50 m de altura e um respeitável entre-eixos de 2,97 m.

2017 BMW 5 Series Touring
2017 BMW 5 Series Touring

A esportividade não foi deixada de lado na nova Touring da BMW. A suspensão traseira tem molas a ar, para nivelamento quando carregada, de série. Como opcional, são oferecidos os amortecedores adaptativos e o pacote M, que reduzem a altura em 10 mm e a deixam mais rígida. Tração integral XDrive entra no jogo, assim como a direção ativa, para algumas versões.

 

2017 BMW 5 Series Touring

 

Os motores serão os já conhecidos da BMW: 2.0 turbo de 4 cilindros, com 252 cv (530i), 3.0 turbo de 6 cilindros em linha, de 340 cv (540i), e o 2.0 turbodiesel, com 190 cv (520i), com câmbio automático de 8 marchas e 6 marchas manual para o diesel. Em termos de pacote tecnológico, ela traz os mesmos equipamentos do sedã, com comandos por gestos, sistema de estacionamento por controle remoto, frenagem automática e um assistente de faixa que funciona até os 210 km/h.

A estréia mundial acontecerá no Salão de Genebra, em março.

Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande