Novas regras de remuneração devem variar de acordo com dividendos e o valor das ações da empresa

O grupo Volkswagen está prestes a pôr em prática um novo plano de remuneração para seus executivos. Segundo informações do jornal alemão Handelsblatt, as novas regras incluem especialmente salários fixos e redução nos bônus pagos ao final de cada ano fiscal. Além disso, essas mesmas remunerações extras serão diretamente indexadas aos dividendos e ao valor das ações da empresa.

Leia também:

Só no ano passado a Volks pagou 63 milhões de euros em bônus. Agora, com base nas novas normas, o CEO terá salário fixo anual de "apenas" 10 milhões de euros, enquanto os demais membros do conselho de administração terão suas bonificações reduzidas. Mais detalhes serão divulgados no próximo dia 24.

Não custa lembrar: a decisão da empresa tem relação direta com as consequências do Dieselgate. Só nos Estados Unidos a marca foi declarada culpada em três ações envolvendo o caso e terá de pagar algo em torno de US$ 4,3 bilhões só em multas.

Foto: divulgação

Seja parte de algo grande