Campeão do mundo relembra duelos com Lewis Hamilton e diz que teve que se tornar mais agressivo para derrotar inglês

Em entrevista ao jornal britânico Daily Mail, Nico Rosberg voltou a falar de sua relação com Lewis Hamilton. Turbulenta nos últimos anos devido ao fato de ambos andarem com o melhor carro da Fórmula 1, o contato dos dois dentro da pista foi motivo para o alemão mudar sua abordagem como piloto.

Rosberg admite que não estava tão acostumado a ir ao limite, lutar corpo a corpo e teve que aprender essa nova negociação.

"Lewis é bom em ir ao limite sem cometer erros graças às suas habilidades atrás do volante. Ele é muito, muito inteligente. Eu achei um pouco mais difícil disputar, mas é algo natural. Para mim, é mais racional. Eu tenho que trabalhar para resistir. Me tornei mais agressivo, porque, muito frequentemente, ele me esmagava no passado. Eu tive que assistir a vídeos e ficar melhor."

Nico também falou do psicológico, algo que trabalhou duro desde que foi derrotado por alguém com quem teve uma relação estreita: "A raiva é maior se a pessoa que você conhece tão bem faz algo que atravessa a fronteira".

Fotos: Motorsport

Seja parte de algo grande

Rosberg diz que Hamilton o esmagava