Kleber Pinho da Silva, que nos mostrou como pode ficar a nova geração do VW Gol, agora dá seu palpite sobre o crossover sobre a plataforma MQB A0

A chegada do Renault Captur mostra que o segmento mais quente do mercado ainda tem fôlego para mais concorrentes. Um deles certamente será o crossover do VW Gol, construído sobre a plataforma MQB A0. Nosso leitor Kleber Pinho da Silva, que já nos ajudou a imaginar como a nova geração do Gol será, nos mandou mais um de seus palpites. E ele é exatamente sobre a versão de produção do T-Cross.

Leia também:

Ainda não temos ideia das medidas do novo modelo, mas sabemos que ele usará o 1.0 TSI, assim como o up! e o Golf, além do 1.4 TSI. O T-Cross, modelo no qual ele deve se basear, tinha 4,13 m de comprimento, 1,80 m de largura, 1,56 m de altura e um entre-eixos de 2,56 m. Exatamente o mesmo do novo Seat Ibiza, que usa a mesmíssima plataforma MQB A0.

 

Volkswagen T-Cross

 

A traseira dele nos parece mais arrojada do que a do modelo de série será, lembrando um pouco a do Passat que foi fabricado no Brasil. A linha de cintura também é mais alta do que deve ser. Na dianteira, a grade promete mostrar um degrau mais pronunciado na parte central, como mostraram os flagrantes do modelo, ainda sob pesada camuflagem.

 

Volkswagen T-Cross

 

O interior nos parece bem próximo do que devemos encontrar no SUV verdadeiro. Silva o fez baseado no do Seat Ibiza e ele não deve fugir muito disso, inclusive com o uso da mesma central multimídia.

Ainda tem muito tempo de espera pelo crossover de produção, mas o designer nos deu uma bela ajuda para imaginar como ele será. E você, sabe fazer projeções? Tem um palpite diferente sobre o crossover do Gol? Mande-o para a gente, assim como Silva fez. E comente logo aqui embaixo.

Projeções: Kleber Pinho da Silva

Seja parte de algo grande

Volkswagen T-Cross, segundo Kleber Pinho da Silva