78,1% de todos os hatchbacks compactos da Peugeot precisaram de financiamento para deixar as revendas

Dos 1.565 Peugeot 208 vendidos em 2017 até fevereiro, 1.223 precisaram de financiamento para sair das revendas da marca. Isso representa 78,1% de todas as vendas do 208 neste período. Foi o que o levantamento mais recente da Cetip, empresa que opera o maior banco de dados privado de informações sobre financiamentos de veículos do país, o Sistema Nacional de Gravames (SNG). 

Leia também:

O veículo com o maior número de financiamentos, como não poderia deixar de ser, foi o mais vendido, o Chevrolet Onix. Em fevereiro, foram 7.024 diante de um total de 11.980, ou 58,6%. No acumulado do ano, 16.038 foram financiados entre os 25.880 vendidos. Uma proporção de 62%, ainda bem distante dos 78,1% do Peugeot. E prova de que a retomada dos financiamentos ainda está distante. Pelo menos em um nível que permita ampliar as vendas de veículos.

 

Peugeot 208 é o mais dependente de financiamento em 2017

 

O segundo modelo mais vendido em 2017, o Hyundai HB20, é o único entre os 10 mais a aparecer entre os 10 com maiores índices de financiamento. Cerca de 65,4% de suas vendas neste ano foram financiadas, um índice razoavelmente superior ao do Onix. Isso mais uma vez confirma que o crédito anda distante dos consumidores. Ou que os clientes é que andam fugindo dele em meio a cenário político e econômico brasileiro.

 

Peugeot 208 é o mais dependente de financiamento em 2017

 

Como os analistas de mercado vivem repetindo, as compras no segmento de automóveis só vão ter uma melhoria com juros mais baixos e mais estabilidade econômica. Do jeito que a coisa anda, nem as contas inativas do FGTS salvam. Por mais que a inflação caia, muita gente está preocupada se terá emprego amanhã ou não. Qualquer dívida pesa. Especialmente a contraída com a compra de um veículo.

Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande