Britânico triunfa tranquilamente em prova animada em Xangai, marcada por atuação de gala de Sebastian Vettel; Massa é 14º

O tricampeão Lewis Hamilton ganhou sua 54ª corrida na Fórmula 1 e primeira em 2017 neste domingo (9) em Xangai. O britânico reinou absoluto no GP da China, liderando de ponta a ponta a corrida, sem perder a liderança em nenhum momento.

Com condução segura, Hamilton foi exceção, já que a corrida foi bem movimentada mais atrás.

O início foi agitado. Com a pista levemente molhada, os pilotos logo trocaram os pneus intermediários pelos slicks (menos Sainz, que largou de slicks). No entanto, o asfalto não estava totalmente seco, o que fez com que alguns pilotos errassem.

Quem levou vantagem neste cenário foi Max Verstappen, que em 11 voltas foi de 16º no grid ao segundo lugar na prova. Por outro lado, Massa acabou caindo de sexto lugar para 14º no mesmo tempo.

Sendo o destaque da prova após uma linda ultrapassagem por fora em cima de Daniel Ricciardo, Sebastian Vettel finalizou a corrida em segundo após ter problemas no início. Ele foi prejudicado pela entrada do Safety Car (causado de um acidente de Giovinazzi) após ter parado nos boxes para colocar pneus slicks em bandeira verde. Isso fez com que os primeiros, que ainda não haviam parado, perdessem menos tempo trocando dos intermediários pelos slicks.

Mas Vettel não se abateu. Foi para cima de Kimi Raikkonen, Daniel Ricciardo e Max Verstappen e passou os três na pista para ser o segundo colocado. Ele e Hamilton empataram na liderança do mundial com 43 pontos.

O holandês da Red Bull ficou com o terceiro lugar, à frente de Ricciardo e Raikkonen. Bottas, que rodou durante o Safety Car, foi o sexto.

Felipe Massa teve corrida difícil. O piloto não conseguiu imprimir o mesmo ritmo dos outros com a pista levemente molhada e foi caindo na classificação. No fim, Massa chegou em 14º e não pontuou.

A corrida

Na largada, Hamilton se manteve na ponta no piso molhado com Vettel - que alinhou fora de posição no colchete do grid - atrás, seguido de Bottas, Ricciardo, Kimi, Kvyat, Verstappen, Alonso e Massa.

A corrida foi neutralizada com o Safety Car Virtual na segunda volta após o abandono de Lance Stroll, que se tocou com Sergio Perez. Todos os pilotos menos Hamilton, Bottas, Ricciardo, Raikkonen e Verstappen pararam para ir dos pneus intermediários para os slicks.

No retorno, Antonio Giovinazzi perdeu o controle de sua Sauber na reta dos boxes e bateu o carro no muro. Com os pedaços no meio da pista, a prova foi neutralizada com Safety Car. Com isso, todos os primeiros foram para os boxes.

Bottas rodou com o Safety Car e caiu de quarto para 12º. O Safety Car saiu da pista na volta oito. O top-10 era Hamilton, Ricciardo, Raikkonen, Verstappen, Vettel, Alonso, Sainz, Kvyat, Massa e Perez.

Verstappen assumiu o segundo lugar na volta 11 após passar Raikkonen e Ricciardo de maneira fantástica. O top-5 era Hamilton, Verstappen, Ricciardo, Raikkonen e Vettel. Nove voltas depois, Vettel superou Kimi pelo quarto lugar.

Em seguida, Sebastian foi para cima de Ricciardo e passou o australiano por fora em linda manobra para assumir o terceiro lugar. Enquanto isso, Bottas foi para sétimo passando Fernando Alonso.

Vettel assumiu o segundo lugar quando Verstappen errou a freada na reta oposta. O holandês foi obrigado a parar após fritar seus pneus. Nas voltas seguintes, os outros ponteiros foram aos boxes fazer o mesmo.

Após as paradas, o top-6 era Hamilton, Vettel, Verstappen, Ricciardo, Sainz e Raikkonen. Fernando Alonso abandonou a prova com problemas de homocinética na volta 34, e Kimi superou Carlos pelo quinto na volta 42.

Hamilton ganhou a prova no final das 56 voltas.

A próxima etapa da F1 acontece no Bahrein, no próximo final de semana.

 GP da China
 Pos.PilotoEquipeDif.Pts.
1  L. Hamilton Mercedes 56 voltas  25
2  S. Vettel Ferrari +6.2  18 
3  M. Verstappen Red Bull +45.1  15 
 D. Ricciardo Red Bull +46.0  12 
5  K. Räikkönen Ferrari +48.0  10 
6  V. Bottas Mercedes +48.8 
7  C. Sainz Toro Rosso +72.8 
 K. Magnussen Haas + 1 volta 
9  S. Pérez Force India + 1 volta 
10  E. Ocon Force India + 1 volta 
11   R. Grosjean Haas + 1 volta   
12  N. Hülkenberg Renault + 1 volta   
13   J. Palmer Renault + 1 volta   
14  F. Massa Williams + 1 volta   
15   M. Ericsson Sauber + 1 volta   
   F. Alonso McLaren Abandonou  
   D. Kvyat Toro Rosso Abandonou  
   S. Vandoorne McLaren Abandonou  
   A. Giovinazzi Sauber Abandonou  
   L. Stroll Williams Abandonou  

Seja parte de algo grande