A radiografia, feita por David Kimble, mostra a F40 nos mínimos detalhes

Ela é, provavelmente, uma das Ferrari mais desejadas da história. Não apenas pelo motor V8 ou pela sua posição avançada. Mas a F40, apresentada em 1987 para comemorar os 40 anos da marca, sempre foi um modelo idolatrado pelos Ferraristas por ser uma das últimas criações da era de Enzo Ferrari. 

A história da F40 está associada a criação da Ferrari 288 Evoluzione. Um programa iniciado em 1985 pela divisão de competições da marca que estava de olho no Group B do campeonato mundial de rali (WRC), de olho nas vitórias que a Porsche estava conquistando na categoria. Logo após, o regulamento proibiu o Group B, pelo acidente que matou Henri Toivinen e seu co-piloto, Sergio Cresto, no Tour de Corse de 1986.

 

Eric Clapton Ferrari F40
Eric Clapton Ferrari F40

De fato, a 288 GTO Evoluzione foi um projeto que nasceu morto. Mas um tempo depois, a Ferrari usou a experiência adquirida na Evoluzione para preparar um supercarro para comemorar os 40 anos da marca. Usando a Evoluzione como base, a F40 foi apresentada, e virou um dos mais desejados modelos de sua época. Além, foi o último modelo vendido quando o Commendatore ainda estava vivo. 

A melhor Ferrari da história?

O superesportivo trazia qualidades que são fortes até hoje, como seu motor V8 biturbo 3.0 de 478 cv e 58,2 kgfm de torque, para apenas 1088 kg e com velocidade máxima de 321 km/h. A F40 estava à frente de modelos de sua época, como a McLaren F1, Bugatti EB 110 ou, ainda, a Lamborghini Diablo. Na época, a Ferrari F40 acelerava de 0 a 100 km/h em 4,1 segundos e Cx de 0,34. 

Tão radical quanto deus números de desempenho, é a sua construção e desenho. A F40 trouxe muitas tecnologias, como o motor V8 biturbo, além de construção em estrutura tubular, leve e rígida. No entanto, não trazia itens como a direção assistida ou ABS, e a abertura das portas é feita por simples cabos 

Ferrari F40 Prototype cutout by David Kimble
Ferrari F40 Prototype cutout by David Kimble
Ferrari F40 Prototype cutout by David Kimble
Ferrari F40 Prototype cutout by David Kimble
Ferrari F40 Prototype cutout by David Kimble

O sucesso foi imediato. Das 400 unidades previstas inicialmente, 1.315 unidades foram produzidas. Uma versão de competição, a F40 LM, encarou as 24 Horas de Le Mans na série GT. Enfim, a série F seguiu, com o lançamento da F50 em 1995, a Enzo e a LaFerrari. 

Na ocasião dos 30 anos da F40, nosso ilustrador David Kimble chegou perto de um dos modelos pré-série da F40, do Salão de Tokio de 1987. David Kimble foi capaz de retratar o parentesco com a 288 GTO e seu motor V8 em posição central. O protótipo de diferencia em outros detalhes da versão de produção em série. 

 

 

Seja parte de algo grande

Ferrari F40 1987