Arquitetura altamente flexível estreará pronta para receber sistemas híbridos e elétricos de propulsão

Conhecida internamente pelo código "C", a nova plataforma global que sustentará uma série de novos modelos da Ford promete ser uma das mais flexíveis de toda a história da marca. Conforme antecipa a revista Automobile, a nova arquitetura chegará ao mercado antes de 2020, com a nova geração do Focus, e já nascerá preparada para receber sistemas alternativos de propulsão, como híbridos e elétricos.

Leia também:

A Ford acredita que veículos do tipo ganharão cada vez mais espaço no mercado global nos próximos anos, a ponto de representar consideráveis 30% das vendas totais em 2030. Ter uma arquitetura voltada para esse novo nicho, tecnológico e ecológico, é mais do que providencial para os planos de crescimento da marca. Até mesmo sistemas autônomos de condução ela será capaz de comportar.

 

2018 Ford Focus spy photo

 

O interesse da companhia nesse mercado é tanto que até modelos nunca antes pensados para este fim, como o esportivo Mustang e a picape F-150, já estão com versões híbridas confirmadas. Além disso, há grande expectativa em torno do lançamento de um inédito SUV 100% elétrico, que deve chegar até 2022 com autonomia de quase 500 km.

Fotos: Automedia/Carpix

Seja parte de algo grande