Modelo de entrada da Renault terá as versões Life, Zen e Intense; motor será menos potente

Depois de conseguirmos as fotos oficiais do novo Renault Kwid, achamos que só voltaríamos a falar do carro na sexta (9), com sua revelação oficial no Salão de Buenos Aires. Ledo engano. Com a ajuda de nossas fontes, conseguimos saber tudo que faltava sobre o novo carro de entrada da Renault: ficha técnica, versões, itens de série e opcionais. Barba, bigode e cabelo. Os preços nós já revelamos, como o leitor mais frequente do Motor1.com há de se lembrar. Fique por dentro de absolutamente tudo sobre o Kwid logo abaixo!

Leia também:

O Kwid brasileiro, que terá airbags frontais e laterais de série, apresenta medidas levemente diferentes das que já divulgamos. São os mesmos 3,68 m de comprimento e 2,42 m de entre-eixos, mas ele é 1 cm mais largo (1,59 m) e 1 cm mais baixo (1,47 m), com um porta-malas de 290 litros. Não 300 litros, como informamos baseados nos dados do modelo indiano. O vão livre deve ser de 18 cm, mas a ficha técnica abaixo não traz a informação.

 

Dados do Renault Kwid

 

O motor também não terá 82 cv com etanol. É mais fraco, com 70 cv no combustível vegetal e 66 cv com gasolina, sempre a 5.500 rpm, em um esforço para torná-lo mais econômico. O torque é de 9,8/9,4 kgfm a 4.250 rpm com etanol e o derivado de petróleo. Por sorte, o Kwid nacional não é muito pesado, ainda que tenha quase o dobro do que o modelo indiano. São 1.173 kg contra 660 kg, segundo a ficha. Uma diferença de 513 kg. Se isso parece mostrar o investimento da marca em conteúdo e em reforço de carroceria para o modelo brasileiro, também pode ser indicação de um erro. O mais provável é que este seja o peso bruto do Kwid, deixando o em ordem de marcha (o bruto menos a capacidade de carga) em 798 kg, o que seria mais condizente. Outra mudança foi no tanque, que tem apenas 28 litros na Índia, mas subiu para 38 litros por aqui.

Com este peso e este motor, o Kwid chega a 156 km/h e aos 100 km/h, partindo do 0, em 14,7 s. Isso com etanol. Se usar gasolina, as marcas são, respectivamente, de 152 km/h e 15,5 s, segundo a Renault. Ficamos surpresos em ver que a suspensão traseira usa eixo rígido, pela descrição da ficha. Os freios, a disco na dianteira e com tambores na traseira, já eram esperados, assim como as rodas de 3 furos.

 

Dados do Renault Kwid

 

As versões do novo Kwid serão 3: Life, a de entrada, a R$ 29.990, Zen, a intermediária, de R$ 32.990, e Intense, a topo de linha, por R$ 34.990. A Life virá de série com os 4 airbags e não muito mais do que isso: predisposição para rádio, desembaçador do vidro traseiro, regulagem interna dos retrovisores laterais e Isofix. Quem quiser ar-condicionado tem de encomendar o Pack Clim, que também inclui limpador do vidro traseiro e direção elétrica. Temos a primeira imagem oficial do Kwid Life na imagem com os pacotes de opcionais. A que abre essa reportagem e que você pode ver de novo mais abaixo.

 

Renault Kwid nacional - Primeiras fotos

 

A Zen já vem com os itens do Pack Clim de série, além de alarme e vidros e travas elétricas. O opcional desta versão é o sistema de som double-din, equipado com Bluetooth e entrada USB e AUX. Quem quiser o Kwid Life com rádio terá de comprá-lo como acessório na revenda. Ou instalar por conta.

A Intense oferece de série rodas de liga leve do modelo Flex, de aro 14", sistema de som, faróis de neblina, retrovisores e maçanetas na cor do carro, apoio de cabeça central, computador de bordo e conta-giros. Opcionalmente, é possível pedir o Pack Connect, que traz o Media Nav 2.0, câmera de ré, abertura elétrica do porta-malas, chave canivete, retrovisores elétricos e uma série de detalhes estéticos, como a grade dianteira, aros dos faróis de neblina e maçanetas internas cromados, retrovisores pintados de preto, revestimento especial dos bancos (provavelmente com material similar a couro) e volante especial. Para essa versão, nossa fonte aposta em um preço na casa dos R$ 38.990.

 

Dados do Renault Kwid

 

Diante de tudo isso, só nos resta esperar pela confirmação dos preços, que nossas fontes ressaltam que podem mudar. Com a contagem regressiva restabelecida no site, a pré-venda começa na sexta (9), às 13h. Antes de tirá-la do ar, a Renault havia marcado a pré-venda para o meio-dia.

Fotos: reprodução

Seja parte de algo grande