Executivo é visto com bons olhos pela alta cúpula do grupo Volkswagen

O comando de duas grandes montadoras da Europa deve passar por mudanças significativas nas próximas semanas, adianta a agência de notícias Reuters. De acordo com a publicação, o grupo Volkswagen tem "crescido o olho" sobre Karl-Thomas Neumann e trabalha fortemente com a possibilidade de contratá-lo para assumir uma função de destaque em uma das empresas do conglomerado. O executivo estava à frente da Opel/Vauxhall há aproximadamente 5 anos e acaba de renunciar, passando o bastão para Michael Lohscheller - e, de quebra, deixando o caminho livre para a VW. 

Leia também:

Conforme relata a agência, Neumann pertenceu aos quadros do grupo até 2012 e deve voltar à companhia com a missão de assumir o comando da Audi. A ideia, ainda mantida sob sigilo, é substituir Rupert Stadler (altamente criticado pela forma como lidou com as consequências do Dieselgate) e ter um nome forte para tocar os planos futuros da marca de Ingolstadt, principalmente as estratégias relacionadas ao segmento de veículos elétricos (grande aposta do grupo).

 

Karl-Thomas Neumann

 

Alemão de 56 anos, Neumann é formado em engenharia elétrica pelas universidades de Dortmund e Duisburg. Iniciou carreira na Motorola, mas também tem passagens pela Continental e pela própria Volkswagen. Na marca de Wolfsburg foi, entre 1999 e 2004, chefe de pesquisa e diretor de Estratégia Eletrônica. Entre 2010 e 2012, foi CEO e vice-presidente do grupo Volkswagen China até seguir para os quadros da Opel.

Fotos: divulgação 

Seja parte de algo grande

Karl-Thomas Neumann