Modelo é sutilmente menor, mas mais espaçoso do que o de geração anterior

Ainda existe lugar neste mundo para as peruas. E é com alívio que vemos novos produtos chegando ao mercado, como a nova Jaguar XF Sportbrake, um modelo com quase as mesmas dimensões do que ela substitui, mas mais espaçoso. E com uma série de novidades dignas de nota, na medida para quem precisa levar a família, mas não abre mão de um modelo bom de curvas.

Leia também:

A Jaguar XF Sportbrake tem 4,96 m de comprimento, 1,61 m de largura, 1,50 m de altura e um entre-eixos de 2,96 m. Isso a torna sutilmente menor do que a anterior (6 mm), mas seu entre-eixos tem 5 cm a mais, o que certamente se reverteu em mais espaço para as pernas, que já não era pequeno. Maior argumento de compra quando se fala em peruas, o porta-malas tem 565 l e pode ser expandido para até 1.700 l.

 

2018 Jaguar XF Sportbrake

 

O coeficiente aerodinâmico da XF Sportbrake é de 0,29, algo considerado excelente para seu tipo de carroceria. E que ajuda a torná-la mais econômica, em qualquer uma de suas 4 opções de motorização. Os de entrada são da família Ingenium, ambos de 2 litros.

 

2018 Jaguar XF Sportbrake

 

O turbodiesel oferece três potências diferentes: 163 cv a 4.000 rpm, com 38,8 kgfm de 1.750 rpm a 2.500 rpm, 180 cv, com 43,9 kgfm, nas mesmas rotações, e 240 cv, com 51 kgfm a 1.500 rpm. O de ciclo Otto, a gasolina, rende 250 cv a 5.500 rpm e 37,2 kgfm de 1.200 rpm a 4.500 rpm.

Acima deles estão dois motores 3.0 V6, ambos sobrealimentados. O movido a gasolina entrega 380 cv a 6.500 rpm, com 45,9 kgfm a 4.500 rpm. O turbodiesel fica um pouco atrás em termos de potência, com "apenas" 300 cv a 4.000 rpm, mas abusa do torque: 71,4 kgfm a 2.000 rpm. 

 

2018 Jaguar XF Sportbrake

 

A transmissão da XF Sportbrake é sempre a ZF automática de 8 marchas, com opção de tração traseira ou integral. E a distribuição de seu peso (1.660 kg, na mais leve) fica perto de 50:50, uma tremenda ajuda para um comportamento dinâmico digno de elogios. A estrutura da carroceria apresenta uso intensivo de alumínio, segundo a Jaguar, o que a tornou mais leve do que a antecessora.

 

 

Na parte de curiosidades, a perua apresenta uma "chave", chamada "Activity Key", que nada mais é do que uma pulseira. Ela é a prova d'água e permite que o dono da XF Sportbrake saia para correr, nadar etc. sem se preocupar em como entrar no carro depois. 

 

 

Outros elementos interessantes do modelo são os comandos por gestos da abertura do porta-malas e do blackout do teto solar, o próprio teto, com 1,6 m², um sistema de ionização do ar admitido à cabine e a capacidade de rebocar objetos de até 2 toneladas. Mostra de que esta perua pretende enfrentar os SUVs de igual para igual. Torcemos por seu sucesso na empreitada.

Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande

Jaguar XF Sportbrake