Custos elevados teriam inviabilizado os planos, relata imprensa indiana

Volkswagen e Tata vieram à imprensa há cerca de 3 meses anunciar a assinatura de um Memorando de Entendimento (MoU, ou memorandum of understanding, em inglês) que poderia resultar no fechamento de uma aliança estratégica de longo prazo. Nesta semana, porém, vem da Índia a informação de que as conversas entre as marcas não evoluíram conforme o esperado e que a tão falada parceria de alcance global poderá, no fim das contas, ir por água abaixo. O motivo? Os altos custos envolvidos no projeto.

Leia também:

A ideia da Volks era ter acesso à arquitetura modular AMP da Tata e produzir sobre ela veículos de baixo custo direcionados a mercados emergentes. Sigla para Advanced Modular Platform (plataforma modular avançada), esta base funcionaria como uma alternativa mais barata à MQB e teria a missão de sustentar os sucessores de modelos de alto volume do grupo na Índia, como Polo, Vento e Skoda Rapid. Em troca, a Tata teria acesso às tecnologias alemãs, especialmente componentes e sistemas elétricos.

 

2016 VW Ameo

 

Acontece que, após sucessivos estudos de viabilidade, a VW concluiu que o projeto sairia mais caro do que o esperado. A Skoda foi responsável por estudar minuciosamente o programa e enviou à matriz relatórios se mostrando bastante cética quanto aos planos. Segundo estimativas, o conglomerado alemão teria de desembolsar pelo menos 140 milhões de euros para adaptar seus modelos à plataforma AMP. Com tanto dinheiro envolvido, os engenheiros da Skoda concluíram que o mais racional seria gastar em causa própria, adequando a MQB à realidade local.

 

VW signs agreement with Tata to use AMP

 

"A longo prazo, é melhor desenvolver nossa própria plataforma, pois isso nos dá o controle do nosso destino", disse uma fonte do grupo Volkswagen à Autocar da Índia. Além disso, a Tata não teria demonstrado tanto interesse no projeto, o que acabou por também contribuir para o congelamento das negociações. Até o momento, porém, nenhuma das empresas se pronunciou de forma oficial.

Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande

2016 VW Ameo - Índia