Modelo FZ25 produzido na Índia deverá ser a base para a substituta da Fazer 250

Desde que foi apresentada na Índia, em janeiro deste ano, a nova Yamaha FZ25 vem causando falatório no Brasil. Tudo porque, de acordo com fontes ligadas à Yamaha ouvidas pela revista Duas Rodas, a nova 250 cc indiana seria a base para a substituta da Fazer 250 brasileira.

 

Yamaha FZ25 2017

 

Pois agora essa tese ganha ainda mais força com o flagra de uma unidade da FZ25 rodando em testes em Manaus (AM), conforme mostra o site da revista Motociclismo. A Yamaha desconversa e diz que testa diversas motos de outros países no Brasil para conferir sua viabilidade sob nossas condições. No entanto, pode ser mais um indício de que os dias da atual Fazer 250 estão contados. A expectativa é que a nova 250, que pode manter o nome Fazer por aqui, seja apresentada no Salão Duas Rodas, em novembro.    

Construída sobre o chassi da MT-03 e com design mais atual que o da Fazer, a FZ25 vem equipada com motor monocilíndrico de 249 cc refrigerado a ar, com duas válvulas e injeção eletrônica. Gera 20,9 cv de potência e 2 kgfm de torque a 6.000 rpm, tendo ênfase na entrega de força em baixas rotações. O câmbio mantém as 5 marchas, enquanto a rival Honda Twister 250 já traz câmbio de 6 posições.

novafazer250-flagra_1920x1080
yamaha-fz25

A nova FZ mede 2.015 mm de comprimento e 770 mm de largura, pesando apenas 148 kg. O tanque é de 14 litros e a Yamaha declara um consumo médio de 43 km/l. A suspensão é convencional com garfos telescópicos de 41 mm na dianteira e monoamortecida na traseira. Já os freios são a disco nas duas rodas, com 280 mm na frente e 220 mm atrás. O painel é totalmente digital, muito semelhante ao da Fazer 250, enquanto o farol e a lanterna usam LEDs.

No Brasil a motorização deverá ser flex, como na atual Fazer, mas também se espera uma evolução no conhecido motor 250 cc da marca também usado na Ténéré 250 e na Lander 250. A conferir!

Fotos: Motociclismo (flagra) e divulgação

Seja parte de algo grande

Yamaha FZ25 2017