SUV finalmente abandonará a plataforma PQ35 em favor da base MQB

Depois de aproximadamente 6 anos de comercialização em todos os mercados principais da Audi, a atual geração do SUV Q3 finalmente caminha rumo à aposentadoria. Nascido em 2011 como a missão de desempenhar o papel de crossover de entrada da marca (função que, nos dias de hoje, cabe ao Q2), o modelo mudará completamente no ano que vem para se tornar mais moderno e, principalmente, mais tecnológico. O estilo que o consagrou, porém, não deve mudar tanto, já que protótipos vistos em testes apontam para um design de perfil mais evolutivo do que propriamente revolucionário.

Leia também:

2019 Audi Q3 spy photo

 

Hoje construído sobre uma plataforma já datada, a PQ35, o Q3 de segunda geração finalmente adotará a tão difundida base modular MQB. A troca fará com que o SUV cresça no tamanho e, em especial, passe a oferecer mais espaço no interior. Especulações apontam que o comprimento total saltará dos atuais 4,39 metros para algo em torno de 4,45 m, enquanto a distância entre-eixos será ampliada de 2,60 m para cerca de 2,65 m. A meta da Audi é recheá-lo para mais bem equilibrar sua linha de SUVs, tendo em vista que o novo Q5 ficou maior e que logo abaixo existe agora o Q2.

 

2019 Audi Q3 spy photo

 

O lançamento está programado para 2018, mas uma data específica ainda não foi definida. Certeza mesmo temos sobre a mudança no local da produção, que passará a ser concentrada na fábrica húngara de Győr (onde já são feitos os modelos A3 e TT) e não mais na planta espanhola de Martorell.

Fotos: Automedia

Seja parte de algo grande

Flagra novo Audi Q3